A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

28/01/2013 08:47

Família de jovem de MS morta em boate culpa "negligência e vista grossa"

Francisco Júnior
Jovem estava na boate acompanhada do namorado, que também morreu no incêndio. Jovem estava na boate acompanhada do namorado, que também morreu no incêndio.

A família de Flávia de Carli Guimarães, 18 anos, jovem nascida em Chapadão do Sul que morreu no incêndio da boate Kiss, em Santa Maria, no Rio Grande do Sul, na madrugada de domingo (27), culpa os donos da boate pela tragédia e afirma que as mortes foram provocadas por negligência.

“Negligência de uns e vista grossa de outros. Nossos jovens que acabaram pagando’, disse ao Campo Grande News o tio da jovem Anselmo Magalhães, que mora em Palmeiras das Missões (RS).

Ele conta que Flávia nasceu em Chapadão do Sul, mas aos cinco anos se mudou com a família para o Estado do Tocantins e de lá, segundo o tio, foram para Palmeiras das Missões, onde estava no polo da Universidade Federal de Santa Maria, de onde era a maior parte das vítimas do incêndio.

De acordo com Anselmo, o corpo da jovem foi identificado pelo pai dela no ginásio poliesportivo de Santa Maria. “Ele entrou no meio nos corpos. Minha sobrinha morreu asfixiada, pisoteada, queimada”, desabafa.

Flávia estava em Santa Maria para encontrar o namorado, que também morreu no incêndio. A jovem cursava administração na UFSM (Universidade Federal de Santa Maria). Ela será sepultada em Palmeira das Missões.

 



Perdoe-nos santa Maria!

A ganância gerou a morte! Por entre o fogo esparramado
A morte que ali espreita seu lucro foi bem dobrada
Levou centenas e meio de vidas desperdiçadas
Da alegria de jovens na noite virou desgraças...
...
O ser humano é estranho! No lucro busca morada
Das vidas ali perdidas caminhos por outras estradas
O bom senso dos humanos às vezes da uma travada
Resultado trás aos olhos! As famílias enlutadas...

Agora nada se adianta julgamentos em disparadas
A morte fez sua colheita por entre vidas marcadas
A juventude que foi transformou em enxurradas
As lagrimas de um Brasil! O lucro dos descarados...

Enlutado estas meu peito pelos guris que morreram
Crianças que tudo tinham por um futuro perfeito
Gurias que ali buscavam a sorte de seus direitos
Apenas viverem a vida com dignidade e respeito...

No luto que o Brasil vive! que lhes sirvas de lição
A autoridade publica que se de explicação
Colocar em uma casa tantas vidas em razão
Sem ter ali a segurança! Aos que se foram, peço perdão...

Perdão pela ignorância das leis não observadas
Dos lucros que sempre tiram das leis que trapaceadas
Os seres ditos humanos encontram nestas moradas
O valor do lucro fácil e a vida não é preservada...
(Zildo de oliveira barros)28/01/13
 
zildo de oliveira barros em 28/01/2013 13:20:49
TUDO O QUE ACONTECE EM UM MUNICÍPIO, A RESPONSABILIDADE É DA PREFEITURA, SIGNIFICA, ADMINISTRADORA, PORTANTO, QUAISQUER ATIVIDADES, QUE LÁ FOREM INSTALAR-SE, TERÃO QUE PEDIREM LICENÇA PARA O FUNCIONAMENTO, E A PREFEITURA, ATRAVÉS DO CÓDIGO DE POSTURA, QUE SIGNIFICA, OLHAR SE A ATIVIDADE É PERMITIDA OU NÃO NAQUELE LUGAR, ONDE PRETENDE SE INSTALAR, E DEPOIS DISSO, IMPOR AS NORMAS, PARA O FUNCIONAMENTO, VISANDO SEGURANÇA, EDUCAÇÃO E AMBIENTE, SE LÁ ESTAVA A DERIVA, AÇÃO CONTRA A PREFEITURA E OS DEMAIS, ÓRGÃOS DE RESPONSABILIDADES, COMO POLÍCIA E BOMBEIROS, QUE REPRESENTAM O GOVERNO, SÃO CULPADOS, POR DEIXAREM CONTINUAR ATIVIDADES INSALUBRES, CONTINUAREM EXERCENDO ATIVIDADE, QUE QUALQUER MANEIRA, O COMÉRCIO, TEM DOUTRINA, E PRECISA SER FISCALIZADO, CABE PREFEITURA, ESTADO E FEDERAÇÃO, FAZER.
 
PEDRO ANTUNES BRAGA em 28/01/2013 11:18:49
Parece que no Brasil tudo que da lucro é lícito, precisamos dar valor a outras coisas que não seja o dinheiro.
 
Lúcio Jorge em 28/01/2013 11:16:26
Culpados? Muitos! Quantas casas noturnas no Brasil inteiro não respeitam normas mínimas de segurança? Qualquer cara "grandão" é chamado para ser segurança dessas casas só pelo porte físico, nenhum treinamento, nenhuma habilidade só tamanho! Aqui, em SP, Rio etc está cheio de casas noturnas com erros graves de funcionamento, e a banda? Aonde se faz uso de pirotecnia em ambientes fechados? Ninguém nunca disse isso a eles? Falta fiscalização sim, agora vão a hospitais, universidades, escolas (inclusive públicas) e verifiquem se há extintores e se estão dentro da garantia, se isso não é verificado as casas de shows então...
 
Anna Gonçalves em 28/01/2013 10:26:48
me surpreende ver todos falando do dono da boate, que com certeza tem culpa, mas ignoram o fato de que a prefeitura é que deve zelar pelo bem da sociedade, o dono da boate cometeu um erro sim, mas foi a prefeitura que faltou com a obrigação para com a própria população, ao deixar uma boate sem condições de funcionamento abrir as portas para tantas pessoas, um momento como esse as pessoas deveriam estar cobrando do poder público a falta de capacidade de zelar pelo bem do povo, e não do dono da boate, que com certeza compartilha da culpa, mas q não recebeu imposto de ninguém para assegurar o bem-estar da população
 
shingo yabuki em 28/01/2013 09:49:13
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions