A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

12/09/2013 06:21

Filha de estudante morta ontem na saída de colégio completa 1 ano hoje

Vinícius Squinelo e Marcos Ermínio

Lara Faria, filha da estudante Luana Vieira Gregório morta a facadas na escola ontem (11), faz um ano nesta quinta-feira (12). O que era para ser uma data comemorativa marca a dor da família, já que a mãe está sendo velada nesta manhã.

Luana, de 15 anos, morreu na Santa Casa de Campo Grande depois de levar uma facada no abdome na saída do colégio. O crime aconteceu por volta das 11h30 de ontem (11) na Escola Estadual José Ferreira Barbosa, na Vila Bordon, em Campo Grande. A suspeita é uma colega de sala, de 16 anos, tenha cometido o homicídio.

A estudante está sendo velado na capela da Funerária Campo Grande, na rua 13 de maio, segundo informações de familiares. A previsão é de que o corpo de Luana chegasse ao local por volta das 2h desta madrugada.

De acordo com a Polícia Militar, Luana foi morta porque borrifou um perfume na sala de aula. A agressora, de 16 anos, teria se irritado, porque é alérgica, e decidiu se vingar no final do expediente escolar. A faca acertou o fígado da adolescente.

Uma terceira menina, amiga da rival de Luana, teria levado a faca ao colégio e entregado à agressora, que além de esfaquear Luana na barriga, acertou outra menina, amiga da vítima, também de 15 anos, na perna. As duas feridas foram encaminhadas com vida à Santa Casa.

Luana foi internada no hospital às 12h40. No entanto, após duas paradas cardíacas, a menina morreu às 15h, segundo a assessoria de imprensa do hospital.

O crime foi considerado fútil pela polícia. As duas agressoras estão foragidas e o caso é investigado pela DPCA (Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente).



particularmente,se fosse minha filha ou irmã ou qualquer pessoa do meu sangue,a raiva não me conteria,eu faria justiça com as próprias mãos,sei que não adiantaria,mas pelo menos um pouco me aliviaria a dor.
é incrível como o mundo está gente, é cobra engolindo cobra meu deus até qdo fecharemos os olhos e sem se importar com absurdos.
mas aborrecidamente vendo jovens inticando a briga.qto mas fogo melhor,depois ficaram sem saber aonde se esconder.mas que isso sirva de lição aos jovens estupidamente imbecilizados para o crime,
isso só os tornam os piores mal-caráters do mundo...
e de que adianta todas estas manifestações hein povo,politicos etc...
 
WALDINEIA CACERES PEREIRA em 13/09/2013 00:08:30
ONDE FALTAR AMOR VERDADEIRO, OU SEJA "DEUS" O MAL REINARÁ...PRECISAMOS ACABAR COM ISSO.
 
VILELA SANTOS em 12/09/2013 23:46:29
Como a "amiga" da outra leva uma faca na escola? Boa intenção não tinha... Não nos cabe julgar, mas a vítima, com 15 anos, já com uma filha de 1 ano... Judiação, ficou órfã. Uma mãe que não tinha condições de dar conta dela própria, tendo outra criança no colo. Acho que o maior problema, como sempre, é a falta de estrutura da FAMÍLIA, de todas elas. Uma se foi, e o que será dessas outras foragidas? Logo serão pegas, e aí? Vão se regenerar? Que tipo de família irão formar?
 
Thais Barbosa em 12/09/2013 14:17:07
E lamentável esse ocorrido nao conhecia a menina mas to mal me coloquei no lugar dos amigos,familiares.Que Deus conforte o coração dos familiares!!!!
 
Michelly Gonçalves Moreira em 12/09/2013 13:11:28
E enquanto isso na Câmara ou melhor na prefeitura e governo, duas autoridades disputando pra ver quem tem mais poder, meu na boa desconsideração total, com todos moradores de Campo Grande, nossa cidade, nossa população deve e tem que ser maior que o ego desses dois. No meu tempo de escola ( tinha policiais) um por escola, o que aconteceu? será que construíram tantas escolas assim? Meu filho hoje tem 3 anos, que Deus guarde ele, pois confiar em nossos governantes não dá. A família e a filha, tristeza total, que Deus conforte o coração deles. E que a justiça seja feita.....
 
Danilo Antonio em 12/09/2013 11:50:16
Este tipo de violência não é culpa da Escola, o problema está na formação moral do indivíduo e esta formação se adquire no Lar, na Família. A verdade é que a grande maioria das famílias estão sem alicerce moral para uma formação exemplar para seus filhos, infelizmente é isso. Muitas informações sem cunho moral que a todos momento adentram aos nossos lares, através do rádio, da TV e da Internet, e os Pais nem sempre consegue contê-las (filtrá-las) e aí as crianças absorve-as com a maior facilidade, e a cada dia o mundo vai tornando-se mais violento em todos os sentidos.
 
Luis Acordado em 12/09/2013 10:31:04
Já passou da hora e faz tempo de começar a punir esses menores irresponsáveis, a justiça brasileira tem que parar de passar a mão na cabeça desses adolescente , porque a unica coisa que esta se criando com isso é bando de criminosos, essa lei lei que criou para proteger adolescente tem valer apenas para adolescente de boa índole .
 
mercia rosa em 12/09/2013 10:28:51
A falta de limite dos filhos é o grande mal. A maioria dos pais perderam o controle sobre seus filhos. Falta educação, respeito, princípios.
 
NIUVA DE SOUZA CANDIDO em 12/09/2013 10:25:20
E quer ver que vai ficar impune? Até quando autoridades, vamos ter que presenciar este tipo de noticia? Diminuição da maioridade penal já !!!
 
Magali de Paula em 12/09/2013 10:16:57
Nao concordo com o comentário que os pais estao de mãos atadas quando a educação dos filhos ...... os pais de hoje ...são omissos na criação dos filhos é diferente .... internet sim atrapalha muito ....mas se o filho tiver regra ....isso não é problema .........a casa que tem regra....que tem Deus e dialogo ....esse problema não existe !!!!!!
 
ROGERIO CARVALHO em 12/09/2013 09:52:09
A Coisa é muito complicada. Temos opiniões diversificadas. Acho que falta a presença dos pais na criação dos filhos. Pais tementes a Deus, que conduz os filhos para vivenciar o bem, com ensinamentos religiosos, criando neles o espírito de família, fazendo eles entenderem o que é certo, e o que é errado, lógico que existe exceção.
 
JAIR CAMILO DINIZ em 12/09/2013 09:45:55
Desde a promulgação do ECA(( Est. da Criança e do Adolescente )), o que se tem visto é o aumento excessivo da criminalidade juvenil,pois os pais perderam o Direito de educar seus filhos a inversão de valores é muito grande e a impunidade para o menor infrator, contribuem para esse aumento da criminalidade.Esta aí mais um caso envolvendo adolescentes , que ficará na impunidade.INFELIZMENTE no brasil é assim.
 
Nauro Albuquerque LARA em 12/09/2013 09:44:32
Na bíblia esta escrito ....Ensine seu filho desde criança o caminho que ele deve andar ...e quando crescer não se desviará dele....pois bem ...pode não ser o caso dessa menina ...mas o que mais nós vemos por ai sao pais omissos quanto a criação de seu filhos....simplesmente poe no mundo mas não dao a educação adequada e o mais importante ...falar de Deus desde bebê.....criar um filho na igreja ....temendo a Deus e a sua justiça !!!!!! vai a dica ...leve seu filho pra igreja desde pequeno .......
 
ROGERIO CARVALHO em 12/09/2013 09:33:16
Se nós pais não ensinarmos aos filhos alguns princípios já esquecidos, a violência será cada vez mais comum. Acredito que a FÉ é algo que não pode faltar, pois junto com ela vem várias virtudes, ações, disciplina.Ensinar que nem sempre ganhamos, a tolerar, ser solidário.
PRECISAMOS LEVANTAR UMA GERAÇÃO DO BEM.
Deixar para amanhã.... estaremos corremos o risco de ser mais uma família atingida por tal violência.
 
Cintya Gomes em 12/09/2013 09:26:51
Ou o Brasil revisa as suas leis, particularmente essas do Estatuto da Criança e do Adolescente, a da maioridade penal, ou essas nossas leis vão acabar com o Brasil. Outro fator que contribui para isso é a promiscuidade sexual, com distribuição de preservativos nas escolas, levando crianças com 14, 15 anos sendo pais e mães, com a paternidade irresponsável. . E os avançadinhos achando tudo bonito. Só que quando acontece uma fato como esse, pergunte se alguém dos Conselhos , das Associações , vai participar da dor da família, vai levar alimento, vestuário e outro apoio para os que ficam? Aí quando a Igreja Católica e as Igrejas Evangélicas criticam as liberalidades irresponsáveis, em todos os níveis, são tachadas de preconceituosas, atrasadas, intolerantes. É isso aí e vai piorar!
 
Jota Vieira em 12/09/2013 09:03:53
Firmo o comentário do Marco Antonio, e concordo com Neide Ribeiro!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
 
Ado Filho em 12/09/2013 09:02:42
Nossa sociedade esteve e está, de mãos atadas. Precisamos de uma reforma urgente na forma como pensamos e sentimos, estamos todos cansados de viver como escravos brancos do 1° e 2° setor, são eles que ditam as regras de segurança, consumo, política, religião, saúde e comportamento, nós! aceitamos e protestamos mas,... a mudança real se faz urgente na educação do LAR, na família, nos ensinamentos morais e espirituais, a vida tornou-se banal como uma casca de banana, a mãe diz não ter tempo, o stress e a depressão fazem parte do café da manhã com manteiga.

Terapeuta Holística, presidente e fundadora do Instituto Internacional de desenvolvimento humano, social, econômico e cultural DAKINI.
 
Linda Lima em 12/09/2013 08:50:37
Tem que punir os pais das agressoras, um motivo tao futil.....a familia das agressoras tem que ser punidos, pois os mesmos tevem estar escondendo as meninas, acobertando o mal que elas fizeram para a familia da adolecente que morreu.
 
Marcelo Alexandre em 12/09/2013 08:40:01
to chocada... que tragédia.... sem palavras....
 
Mileide de Aguiar Marques em 12/09/2013 08:35:35
A criminalidade não se restringe mais a uma certa "categoria", se assim posso dizer, mas ela está se generalizando, nos lares, nas escolas e etc... não tem mais um lugar q se possa dizer ou afirmar q ali não seria possível. Estamos a cada dia nos surpreendendo com cada estupidez, com cada "motivo", tudo é motivo pra se matar, as mais banais estão estampadas nas manchetes de jornais. O nosso país está assustador...a falta de Deus está evidenciado...
 
Lucia Sales em 12/09/2013 08:34:14
Mais uma vez a maldade no coração de uma pessoa provoca dor no coração de uma familia,penso como vai ser no futuro a vida dessa juventude que cresce sem restrições,a lei não deixa os pais educarem seus filhos e o que da é isso,Meus sinceros pezames a familia.
 
Teresa Moura em 12/09/2013 08:30:56
Como assim suspeita?? Não falaram com a moça que sobreviveu?? Cade a guarda municipal em cada escola?? Contratem, pois dinheiro tem e de sobra...
 
Frank William em 12/09/2013 08:21:48
TIRAR A VIDA DE UMA PESSOA POR UM MOTIVO TÃO IDIOTA, TEM QUE SE DE UMA ÍNDOLE BEM RUIM, SEM CARÁTER E COVARDE, PORQUE SE FOSSE A MACHONA ASSUMIRIA A RESPONSABILIDADE!!!!!! SERÁ QUE CAIU A FICHA DESSA DELINQUENTE, TIROU A VIDA DE UMA PESSOA E O DIREITO DE SER MÃE !!! É LAMENTÁVEL, MORO AO LADO DESSA VILA E FIQUEI EXTREMAMENTE TRISTE COM ESSA TRAGÉDIA!!!!
ESTRUTURA FAMILIAR ZERO??????

 
cris. alves em 12/09/2013 08:14:09
Lamentável....a que ponto chega o ser humano,nao tem comentários prá isso
 
Dilma Souza Duarte em 12/09/2013 08:13:51
As mulheres estão violentas tanto quanto os homens isto é fato!
 
Marcelo Mendes em 12/09/2013 07:22:40
os pais estão com as mão atadas pois não podem educar os filhos corretamente.
a internet interfere bruscamente na vida dos pais com os filhos.
os pais perderão o poder sobre os filhos, e a justiça esta muito atrás da realidade .
 
marcos antonio em 12/09/2013 06:56:53
Nao esta dando mais pra mandar nossos filhos nem a escola,não vao lá pra aprender e conseguir um futuro melhor,estão expostos a morte,não se sabe que tipo de pessoa sera encontrada por eles,talvez um bandido,uma marginal sangue frio que nos entrega sem vida o corpo daquele que amamos e pensávamos estar encaminhando pra uma vida melhor,é revoltante essa noticia,e vemos dela todos os dias nas redes sociais,alguma coisa tem que ser feita,meus pêsames a família da jovem,e principalmente a órfã,que nem chegará a conhecer a mãe,
 
neide ribeiro em 12/09/2013 06:49:28
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions