A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

23/01/2009 14:43

Fraudador do Bolsa Família se refugia em fazenda

Redação

O ex-coordenador do programa Bolsa Família, Eurico Siqueira da Rosa, acusado de fraude por inscrever seu gato como beneficiário, está em uma fazenda e não foi localizado pelo celular para dar sua versão.

Segundo sua mãe, Iracema, ele está incomunicável, e não foi localizado pelo celular.

Eurico perdeu o cargo de coordenador depois que foi descoberto um esquema em que seu gato, "Billy", estava sendo beneficiado pelo programa, há pelo menos sete meses.

Agora, o Bolsa Família passará por recadastramento em Antônio João e o ex-coordenador vai ser investigado pelo MPE (Ministério Público Estadual), sob acusação de improbidade administrativa.

Mega-Sena acumula de novo e prêmio estimado sobe para R$ 43,5 milhões
Mais uma vez a Mega-Sena ficou sem vencedor na faixa principal e, com isso, a premiação acumulou e pode chegar a R$ 43,5 milhões no próximo concurso,...
Mega-Sena pode pagar R$ 39 milhões no sorteio deste sábado
A Mega-Sena deste sábado (16), que está acumulada, pode pagar R$ 39 milhões para quem acertar os seis números. O concurso 1.997 ocorre às 20 horas, h...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions