ACOMPANHE-NOS    
MAIO, SEGUNDA  16    CAMPO GRANDE 13º

Cidades

Funcionário é executado no portão da empresa Egelte

Por Redação | 05/09/2008 16:52

O funcionário da Egelte Egenharia, Nicanor Ferreira Martins, de 43 anos, foi assassinado quando chegava na empresa no final da tarde desta sexta-feira. Ele dirigia um veículo Santana, e foi alvejado por três tiros, disparados por dois homens em uma motocicleta. A Polícia investiga o caso como latrocínio, roubo seguido de morte.

Com Nicanor no carro estava Everaldo Quintana, de 33 anos. Informações preliminares dão conta de que dois tiros atingiram Martins no tórax e um na cabeça, enquanto o passageiro foi ferido na panturrilha de raspão, foi levado à UBS (Unidade Básica de Saúde), do bairro Tiradentes, e liberado.

Ambos trabalhavam na empresa de engenharia e estavam transportando um malote com dinheiro. Testemunhas afirmam que um dos homens na moto Honda/Titan 150, de cor azul, tinha a perna engessada e que a dupla chegou a ser derrubada pelo carro guiado por Martins, quando anunciou o assalto.

Os autores dispararam contra o Santana no prolongamento da rua Joaquim Murtinho. No local, viaturas da Polícia Militar, da perícia técnica e do Garras (Grupo Armado de Repressão e Resgate a Assaltos e Seqüestros) fizeram diligências e ouviram testemunhas que assistiram ao crime.

Agentes percorreram também postos de saúde da cidade na tentiva de encontrar um dos homens que estavam na moto. O carrona teria sido atropelado pelo Santana e, por isso, teria ferimentos graves.

Nos siga no Google Notícias