A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

21/11/2010 10:52

Garoto apreendido após três assaltos em apenas um dia

Redação

Um adolescente de 16 anos foi aprendido nesta manhã no bairro Indubrasil, em Campo Grande, depois de render um caminhoneiro, invadir uma casa e fazer uma família refém e ainda tentar assaltar um carpinteiro.

Ele foi localizado por policiais do 1° Batalhão da Polícia Militar quando fugia do distrito industrial em uma bicicleta que havia roubado pouco antes.

No primeiro assalto de hoje, o garoto que já tem 20 passagens pela Polícia, fez um caminhoneiro refém. Com uma arma na cabeça do trabalhador, ele "pediu" carona de Terenos até Campo Grande, mas decidiu descer no Indubrasil.

No distrito, ele arrombou a porta de uma casa na rua Setentrional e rendeu seis pessoas, incluindo um bebê. O dono da residência contou que o adolescente estava "bravo" e mandou que ele, a esposa e os filhos de 11, 9, 6 anos e o bebê deitassem no chão.

O homem conta que o menino apontou a arma para as cabeças de todos e ameaçava matá-los. Ele chegou a disparar uma vez, mas apenas estilhaços atingiram o dono da casa.

Depois de roubar uma bicicleta, uma aparelho celular e R$ 20,00, o menino fugiu do local. Em seguida, abordou um carpinteiro de 56 anos. A vítima contou que o garoto se aproximou quando ele saía para o trabalho e pediu carona até Campo Grande.

Quando ele se recusou, o adolescente anunciou o assalto. Nesse momento, a mulher da vítima apareceu e o menino apontou e engatilhou a arma para ela. "Eu sabia que se eu não reagisse, ele iria puxar o gatilho", diz o carpinteiro.

Ele conta que segurou no cano da arma e começou a lutar com o adolescente. Eles rolaram no chão e a vítima conseguiu imobilizar o menino e tomar a arma.

Mas, o adolescente conseguiu escapar com outra arma no bolso, porque o filho da vítima o segurou com medo de que ele fizesse algo contra o garoto.

A Polícia foi acionada e conseguiu localizar o garoto quando ele saía do distrito Indubrasil. Ele foi apreendido e encaminhado à Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) para registro da ocorrência.

De lá ele será levado ao Cepol (Centro Integrado de Polícia da Capital). A bicicleta, o dinheiro e o celular roubados foram apreendidos, assim como as duas armas usadas nos crimes.

O menino é apontado pela Polícia como autor da morte de um jovem em uma feira do bairro Buriti, em crime cometido há apenas dois meses.

Para o carpinteiro vítima da tentativa de assalto nesta manhã, que foi à delegacia registrar o caso, restou a indignação por saber que o garoto tem direitos especiais na hora de responder pelos crimes, conforme determina o Estatuto da Criança e do Adolescente. "A lei protege o menor, mas esquece de proteger as famílias", desabafa.

Câmara Federal regulamenta carreira dos agentes comunitários de saúde
Com a presença de agentes comunitários nas galerias da Câmara, os deputados federais concluíram hoje (12) a votação do projeto de lei que regulamenta...
Anvisa libera serviço de vacinação em farmácias de todo o país
Farmácias e drogarias de todo o país vão poder oferecer o serviço de vacinação a clientes. A possibilidade foi garantida em resolução aprovada hoje (...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions