ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  26    CAMPO GRANDE 17º

Cidades

Governo reduz plantões em 76% e HU ameaça fechar PAM

Por Redação | 06/11/2009 14:50

Após 16 anos de polêmica, o Governo federal regulamentou o pagamento de plantões do Hospital Universitário da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul). A medida, adotada desde o mês passado, reduziu em 76% o número de plantões pagos aos servidores da unidade e poderá levar a direção a fechar o PAM (Pronto Atendimento Médico).

A direção da instituição limitou-se a informar que estuda o impacto da redução dos plantões. O estudo, que será apresentado na segunda-feira à tarde ao Conselho Universitário da UFMS, poderá incluir o fechamento do pronto socorro da instituição, ameaçando o atendimento de saúde de emergência na rede pública da Capital, sobrecarregando a Santa Casa e o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian.

Impacto

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário