A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

12/01/2015 16:41

Hospital Regional deve operar com 19 novos leitos de UTI em 120 dias

Michel Faustino
HR deve operar com 19 novos de UTI ainda em 2015. (Foto: Marcelo Calazans)HR deve operar com 19 novos de UTI ainda em 2015. (Foto: Marcelo Calazans)

O HRMS (Hospital Regional de Mato Grosso do Sul Rosa Pedrossian) deve operar com 19 novos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) em um prazo de 120 dias, e dobrar a capacidade de atendimento, conforme o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) e o secretário de saúde Nelson Tavares em visita à unidade na tarde de hoje (12). 

Segundo o governador a liberação dos leitos depende da conclusão da reforma no oitavo andar, onde funciona o Cetohi ( Centro de Tratamento Onco Hematológico Infantil), interditado após ter a estrutura comprometida por uma infiltração ocasionada pela chuva no mês passado.

“Já solicitamos a urgência para a recuperação do oitavo andar. O secretário de saúde e o diretor do Hospital Regional já estão empenhados para a liberação do setor de oncologia infantil. Com a liberação, poderemos avançar na questão de abertura de leitos em curto prazo para a população. A estimativa é de que com a reabertura do Cetohi, recuperaremos de 20 a 25 leitos.”, destacou.

De acordo com o diretor-presidente da unidade, Justiano Barbosa Vavas, o oitavo andar, que irá ser reformado, abriga a ala de oncologia e hematologia e com a liberação o hospital terá 10 leitos de UTI para atendimento adulto e mais nove para atendimento pediátrico e oncológico, passando a operar com um total de 38 leitos.

Conforme o secretário de Saúde, Nelson Tavares, anunciou ainda que o laboratório de hematologia do hospital também deverá ser reativado ainda este ano.

“Já temos os equipamentos para o laboratório e vamos ver como será possível reativar ele (laboratório de hematologia) ainda este ano”, disse.

Com um total de 320 leitos 100% SUS para atendimentos de especialidades como: Cirúrgica, Clínica, Obstetrícia e Pediatria, e mais um Pronto Atendimento Médico (PAM), com 77 leitos de observação, o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul é referência em atendimentos e compõe a rede atendimentos hospitalar da Macrorregião de Campo Grande.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions