A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 20 de Agosto de 2018

23/09/2010 10:45

Igreja Católica condena ataque contra índios em MS

Redação

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) repudiou a violência contra os índios em Paranhos e Douradina e fez um apelo para que o governo faça as demarcações de terras indígenas.

"São ataques a mão armada numa brutal intimidação aos habitantes dessas comunidades que se veem não só cerceadas no seu direito de ir e vir como também privadas de bens essenciais à vida como água, comida, educação e saúde", afirma a nota, assinada pelo presidente da CNBB, Dom Geraldo Lyrio Rocha.

A igreja católica cobra uma solução "rápida, urgente e eficaz". O documento começa com uma mensagem bíblica: "Eu vi a opressão do meu povo, ouvi os gritos de aflição diante dos opressores e tomei conhecimento de seus sofrimentos".

Em Paranhos, na fazenda São Luiz, cerca de 80 indígenas da etnia estão isolados há mais de 30 dias.

Na última terça-feira, O Cimi (Conselho Indigenista Missionário) divulgou nota denunciando ataque contra 86 famílias guarani-caiuá em Douradina.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions