A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

24/08/2015 09:53

Após acordo com Reinaldo, prefeitura retoma regularização de imóveis urbanos

Governo prorrogou isenção do Imposto sobre a Transmissão Causa Mortis e Doação de Bens ou Direitos; moradores da Vila Cachoeirinha podem procurar setor de habitação a partir de hoje

Helio de Freitas, de Dourados
Reunião de equipe da prefeitura com moradores da Vila Cachoeirinha para definir escrituração de imóveis, que começa hoje (Foto: Divulgação)Reunião de equipe da prefeitura com moradores da Vila Cachoeirinha para definir escrituração de imóveis, que começa hoje (Foto: Divulgação)

Com a decisão do governador Reinaldo Azambuja (PSDB) de prorrogar por mais um ano a isenção do ITCD (Imposto sobre a Transmissão “Causa Mortis” e Doação) de imóveis localizados no município de Dourados, a 233 km de Campo Grande, a prefeitura retoma nesta segunda-feira (24) a regularização de terrenos em bairros da periferia. O imposto é um dos custos que o morador tem no momento da regularização do imóvel.

De acordo com a assessoria do prefeito Murilo Zauith (PSB), a escrituração inclui casas construídas em loteamentos sociais implantados sem a devida documentação ao longo dos últimos 30 anos foi iniciada há três anos. O serviço está sendo retomado pela Vila Cachoeirinha, na região sul da cidade, onde a equipe de habitação se reuniu com os moradores, na semana passada.

Conforme a diretora de Habitação da prefeitura, Zelinda Fernandes, partir de hoje os moradores que têm terrenos irregulares na Vila Cachoeirinha podem procurar o setor, no Bloco A do CAM (Centro Administrativo Municipal), na Rua Coronel Ponciano, para dar início ao processo.

Para a regularização, a prefeitura precisa registrar o loteamento em cartório, o que já ocorreu na Cachoeirinha. Com a escritura em mãos, o morador faz procura o cartório de imóveis para fazer o registro. De acordo com a prefeitura, com a isenção do imposto estadual, o único custo que o morador tem é a taxa de registro em cartório.

Outros bairros – O setor de habitação informou que depois da Vila Cachoeirinha o trabalho será feito no Jardim Canaã III. Depois serão atendidos moradores dos bairros Brasil 500, Jardins Canaã I, II, IV e V, Estrela Porã, Ivaté, Hory, Verá, Tovi e Poravi.

A prefeitura promete ainda concluir a regularização dos imóveis da Vila São Brás e do Jardim Porto Belo, onde o serviço começou em 2012 e menos de 5% dos imóveis permanecem sem escritura.

Outros dois loteamentos que ainda precisam ser regularizados em cartório para que a prefeitura possa iniciar a escrituração dos lotes são as vilas Mariana e Valderez.

Reinaldo sanciona isenção de imposto na regularização de imóveis em Dourados
Foi publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (21) a Lei 4.697, que autoriza o Poder Executivo a conceder isenção do TDCD (Imposto sobr...
Jovem é atingida por tiros após discussão com homem em bar
Mulher de 20 anos ficou gravemente ferida ao ser atingida por dois tiros disparados por um homem que ainda não foi identificado. O crime aconteceu po...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions