A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

29/12/2015 20:01

Após denúncia de tia, polícia prende quadrilha que negociava armas

Alan Diógenes

A Polícia Civil de Dourados, a 233 quilômetros de Campo Grande, prendeu quatro pessoas por porte ilegal de arma de fogo e associação criminosa para o crime. A equipe saiu para descobrir quem havia vendido um revólver para um jovem e no caminho encontrou outras pessoas envolvidas no delito.

Conforme o boletim de ocorrência, uma tia denunciou o sobrinho Rener Pimentel, 18 anos, que estava em posse de um arma de fogo dentro de casa. Os policiais foram à residência e o jovem acabou confessando que a arma estava em cima do guarda-roupas.

Alegou ainda que havia comprado um veículo do vendedor Décio Rodrigues, 56, que teve defeito. Ao procurar Décio para desfazer o negócio, o mesmo disse que não dinheiro e lhe passou um revólver Taurus calibre 32 como forma de resolver o impasse.

A equipe se deslocou até a residência de Décio, localizada na Rua Projetada, Bairro Estrela Porã. Na calçada havia cinco rapazes, sendo que um deles, com a presença da polícia, se desfez de uma carteira com 4,3 gramas de pasta base de cocaína, o que caracterizou o lugar como possível “boca de fumo”.

Dentro da residência foi encontrado Leomar Becker Rodrigues, 24 anos, com fotos de armas em conversas pelo WhatsApp. Na casa ainda existiam mais duas armas nos cômodos.Também foi encontrado no local Lucas Martins Romeiro, 22, e no celular dele conversas com Leomar falando sobre uma tentativa de homicídio.

Todos os envolvidos foram encaminhados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) e o caso foi registrado como associação criminosa e porte ilegal de arma de fogo.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions