A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 23 de Agosto de 2019

27/03/2019 19:05

Atentado a tiros em pista de motocross mata diretor de universidade e colega

Vítimas estariam assistindo a corrida dos filhos, quando foram surpreendidas pelos atiradores

Adriano Fernandes e Helio de Freitas
Sandro Arredondo era diretor de uma universidade de medicina na fronteira. (Foto: Divulgação) Sandro Arredondo era diretor de uma universidade de medicina na fronteira. (Foto: Divulgação)

Dois homens morreram após sofrerem um atentado a tiros, no começo da noite desta quarta-feira (27) em uma pista de motocross de Pedro Juan Caballero, cidade vizinha de Ponta Porã, a 323 quilômetros de Campo Grande.

Um dos mortos é Sandro Arredondo, que era diretor de uma universidade de medicina na fronteira e o outro, ainda não foi identificado. Um outro morador, identificado como Fernando Olmedo, também ficou ferido. As informações iniciais são de que o alvo do atentado era apenas Fernando. 

Ele e Sandro estavam com os filhos no local quando foram surpreendidos pelos atiradores, conforme o site Capitan Bado. Mesmo ferido, Fernando teria conseguido ir dirigindo até uma clínica particular da cidade e, por pouco não atingiu a fachada da unidade de saúde.

A clínica é a mesma para onde Sandro também foi encaminhado, por policiais. Assustados, moradores na vizinhança da pista gravaram em áudios no celular o som da rajada de tiros, possivelmente, disparados de armas de grosso calibre. Ainda não há informação de prisões. 

Matéria alterada às 19h52 para correção do nome de uma das vítimas**

 

Veículo que uma das vítimas, mesmo ferida, teria dirigido até uma clínica particular. (Foto: Direto das Ruas) Veículo que uma das vítimas, mesmo ferida, teria dirigido até uma clínica particular. (Foto: Direto das Ruas)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions