A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 25 de Novembro de 2017

20/08/2015 14:06

Carreta com soja levava 427 kg de cocaína, avaliada em R$ 8,5 milhões

Priscilla Peres
(Foto: Polícia Federal)(Foto: Polícia Federal)

A Polícia Federal realizou, na noite de ontem (19), a segunda maior apreensão de cocaína do ano. Foram encontrados 427 kg da droga escondidos em um compartimento de uma carreta que iria para São Paulo. A apreensão ocorreu em Rio Brilhante – distante 163 km da Capital. A carga está avaliada em aproximadamente R$ 8,5 milhões.

Segundo informações da PF, o caminhão Volvo carregado de soja foi abordado quando trafegava pela BR-267. O condutor aparentou nervosismo ao ser questionado pelos policiais e então foi feita uma revista minuciosa no interior do veículo.

Na parte dianteira da caçamba acoplada ao cavalo mecânico, os policiais encontraram vários tabletes enrolados em uma fita adesiva. Foram feitos testes no produto que constataram que se tratava de cocaína.

O motorista que é proprietário do caminhão e caçamba, informou que mora em Corumbá (MS), e a droga carregada num local próximo de Jardim/MS seria entregue no Estado de São Paulo.

Esta é a segunda maior apreensão de cocaína em 2015 no Estado, a primeira aconteceu em janeiro quando policiais federais da Delegacia da Polícia Federal de Corumbá apreenderam 1,4 tonelada da mesma droga.

O condutor da carreta foi preso autuado em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, conforme previsto no artigo 33 c/c artigo 40, inciso V, ambos da Lei nº 11.343/06.

MPE entra com ação e consegue suspender do 'Dourados Brilha 2017'
Após as 16ª e 10ª promotorias de Justiça de Dourados - cidade localizada a 233 km de Campo Grande - entrarem com ação, a Justiça estadual concedeu li...
'Ônibus da Saúde' fará neste sábado atendimentos em Fátima do Sul
O programa de prevenção "Ônibus da Saúde", realizado pela Cassems, levará atendimento especializado em oncologia até Fátima do Sul - cidade localizad...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions