A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 21 de Agosto de 2019

30/08/2018 10:04

Cigarreiro que atropelou casal é autuado em flagrante por três crimes

Apenas o condutor do Palio que fugiu da polícia e na perseguição atropelou casal em moto ficou preso; dono da carga foi liberado

Helio de Freitas, de Dourados
Professora que estava de moto com o marido é socorrida após ser atropelada durante fuga de contrabandistas (Foto: Adilson Domingos)Professora que estava de moto com o marido é socorrida após ser atropelada durante fuga de contrabandistas (Foto: Adilson Domingos)

Apontado como motorista do Fiat Palio branco carregado com contrabando de cigarro que fugiu da polícia e atropelou um casal de moto na noite de ontem (30) em Dourados, a 233 km de Campo Grande, José Pinheiro de Souza, 56, foi atuado em flagrante por tentativa de homicídio, omissão de socorro e por dirigir sem carteira de habilitação.

Outro homem de 51 anos que estava no carro, apontado como dono dos 450 pacotes de cigarros contrabandeados transportados no Palio, foi ouvido e liberado. A polícia ainda procura um terceiro envolvido, que fugiu.

A perseguição de policiais militares rodoviários aos contrabandistas começou na MS-379, no trevo de acesso ao município de Laguna Carapã, passou por pelo menos cinco bairros e só terminou na Rua Frei Antônio, no Jardim Água Boa, região sul da cidade.

Na fuga em alta velocidade e circulando até pela contramão de ruas movimentadas, os contrabandistas atropelaram José Miranda Rosa e a professora Roseli da Silva Bonilha Rosa, que seguiam para a igreja em uma Honda Biz. Roseli sofreu fratura exposta na perna.

O acidente foi na Rua Manoel Rasselen, em frente à Escola Estadual Vilmar Vieira de Matos. O casal foi socorrido pelo Samu (Serviço Móvel de Urgência) até o Hospital da Cassems.

Mesmo após o atropelamento, os ocupantes do Palio continuaram a fuga em alta velocidade e só foram parados na Rua Frei Antônio, que liga o Jardim Água Boa ao Jardim Canaã III. Morador no Residencial Monte Carlo, José Pinheiro negou que estivesse dirigindo o carro. Ele está preso na 1ª Delegacia de Polícia Civil.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions