ACOMPANHE-NOS    
JULHO, SÁBADO  11    CAMPO GRANDE 21º

Interior

Cinco são presos por venda e receptação de tijolos em Corumbá

Quatro presos eram funcionários de fábrica de tijolos e quinto envolvido, comprou materias sabendo que eram roubados

Por Lucia Morel | 27/05/2020 18:58
Caminhão com tijolos foi apreendido pela Polícia Civil. (Foto: Polícia Civil de Ladário)
Caminhão com tijolos foi apreendido pela Polícia Civil. (Foto: Polícia Civil de Ladário)

Quatro funcionários de uma fábrica de tijolos em Corumbá, a 428 Km de Campo Grande, foram presos junto com um quinto homem, de 41 anos, acusado de comprar produtos roubados pelo quarteto. A prisão foi feita pela Polícia Civil de Ladário, que chegou ao grupo através de denúncia.

Os quatro homens, de 24, 38, 40 e 45 anos trabalhavam na fábrica e furtavam tijolos para revendê-los a preços mais baixos. Eles foram presos na tarde de ontem, em Corumbá, no bairro Nossa Senhora de Fátima, enquanto entregavam tijolos roubados. Eles tinham acabado de fazer uma entrega em loja de materiais de construção.

Segundo a polícia, no momento da abordagem, os homens deveriam levar 5 mil tijolos à loja, mas retiraram 850 do caminhão de entrega e venderam a uma quinta pessoa, que também foi presa por receptação, ao comprar os tijolos por R$ 400. Pela venda clandestina, cada um dos funcionários ficou com R$ 100,00.

Policiais informaram que a suspeita é que os homens estavam agindo já há algum tempo e que mais pessoas podem ter se beneficiado com a receptação dos materiais.

Os quatro funcionários foram presos em flagrante e irão responder pelo crime de furto qualificado pelo concurso de agentes e abuso de confiança, com pena de dois a oito anos de reclusão. Já o comprador dos tijolos, que também foi preso em flagrante, responderá pelo crime de receptação, com pena de um a quatro anos de reclusão.