A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

23/05/2016 12:15

Com criança de colo, mulher e adolescente levavam maconha para o MT

Moradoras de Rondonópolis e Barra do Garças foram presas por policiais do DOF quando transitavam na margem da BR-463

Helio de Freitas, de Dourados
Momento em que policiais abordavam mulheres com droga em malas (Foto: Divulgação)Momento em que policiais abordavam mulheres com droga em malas (Foto: Divulgação)

Fernanda Muniz de Oliveira, 34, moradora em Rondonópolis, e uma adolescente de 17 anos, moradora em Barra do Garças, interior de Mato Grosso, foram presas por policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira) quando tentavam deixar a fronteira com 23 quilos de maconha em malas de viagem. A adolescente estava com o filho, um menino de quatro anos de idade.

De acordo com o DOF, o fato ocorreu na tarde de domingo (22), quando os policiais viram as duas mulheres andando na estrada ao lado da rodovia. Na mala da adolescente foram encontrados dez tabletes de maconha, pesando 11 quilos. Já Fernanda transportava 12 tabletes, pesando 12 quilos da droga.

Fernanda afirmou aos policiais ser casada com um presidiário que cumpre pena por roubo em Alagoas, mas não soube explicar o motivo de estar na fronteira com o Paraguai. Já a adolescente alegou ter encontrado as duas malas com maconha e levaria para sua cidade, para “fumar pouco a pouco”.

Criança com fome – Os policiais que prenderam as duas mulheres cuidaram do menino, para tentar minimizar o aspecto negativo da prisão da mãe por tráfico. A criança também foi alimentada, já que há várias horas não comia nada.

“Não é possível zerar as consequências da ação irresponsável da mãe dessa criança, mas no que depender dos policiais do DOF, tentaremos através dos nossos cuidados e conversa minimizá-las ao máximo”, disse um dos integrantes da equipe do DOF envolvidos na operação.

Crack – Victoria Carolina Peixoto da Silva, 20, moradora em Taguatinga (SP), foi presa pelo DOF quando viajava em um ônibus que faz a linha entre Ponta Porã e Campo Grande, carregando nove quilos de crack, 2,1 quilos de haxixe e 800 gramas de maconha.

Ela contou ter vindo à fronteira para comprar droga e que sua intenção era revender em sua cidade. Victoria foi levada para a Polícia Federal em Ponta Porã e autuada em flagrante por tráfico de drogas.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions