ACOMPANHE-NOS    
MAIO, DOMINGO  09    CAMPO GRANDE 21º

Interior

Com intervalo de 3 horas, dois homens são executados a tiros na fronteira

Crimes ocorreram em pontos diferentes de Capitán Bado, vizinha de Coronel Sapucaia

Por Helio de Freitas, de Dourados | 13/04/2021 09:09
Um dos corpos encontrado em lavoura de milho na fronteira (Foto: Capitán Bado.com)
Um dos corpos encontrado em lavoura de milho na fronteira (Foto: Capitán Bado.com)

Dois homens foram executados a tiros com intervalo de três horas na fronteira do Paraguai com Mato Grosso do Sul. Os corpos foram deixados em pontos diferentes do distrito de Capitán Bado, cidade vizinha de Coronel Sapucaia (MS), a 400 km de Campo Grande. Os mortos eram paraguaios.

Na Colônia Umbú, foi encontrado em uma lavoura de milho o corpo de Estanislao Martínez, 24, morador no bairro Primavera, em Capitán Bado. Ele foi executado a tiros, possivelmente em outro local, e teve o corpo abandonado na plantação.

O outro homem executado foi identificado como Gerônimo Fernandez Fernandez, 30, natural do povoado de José Felix López. O corpo foi encontrado à noite na área urbana de Capitán Bado. Ainda não há mais informações sobre esse crime.

Separada apenas por uma rua de Coronel Sapucaia, Capitán Bado, assim como Pedro Juan Caballero, é base das quadrilhas que lutam pelo controle do tráfico de drogas e armas na Linha Internacional.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário