A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 11 de Dezembro de 2017

24/03/2016 16:48

Com mais turistas do Mercosul, cidade tem taxa de ocupação acima de 90%

Priscilla Peres

O feriado prolongado de Páscoa aumentou a procura de turistas e a taxa de ocupação da rede hoteleira de Bonito - distante 257 km de Campo Grande, passa dos 90%. O dólar alto também contribui para que mais pessoas optem por passeios nacionais.

Segundo dados de pesquisa elaborada pela Bonito Convention & Visitors Bureau, com apoio da Prefeitura Municipal e da Fecomércio/MS (Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo de Mato Grosso do Sul), em alguns estabelecimentos, a taxa de ocupação já atingiu 100%.

É o caso da Pousada Olho D’água, onde algumas reservas foram feitas antecipadamente. “Estamos recebendo turistas de vários estados do Brasil e de outros países”, comenta Henrique Ruas, proprietário do local.

Quem também comemora a movimentação deste feriado é o proprietário da Pousada Remanso, Augusto Barbosa Mariano, que destaca a intensa procura de visitantes vindos da Bolívia e do Paraguai pelo destino. “O câmbio está favorável a eles e, além disso, Bonito é como uma ‘praia’ para os bolivianos. Vieram no começo deste ano, no carnaval e agora aproveitaram a Semana Santa, ficando, no mínimo, três diárias. Nossa cidade tem sido privilegiada com a alta do dólar”, enfatiza.

O empresário menciona que parte do público brasileiro, que fazia mais viagens ao exterior, agora está dando mais destaque a destinos do próprio país, escolhendo, entre as várias opções, Bonito, também por conta da alta do dólar.

O município está entre os cinco destinos do Brasil com maior procura pelos turistas. Segundo dados do Ministério do Turismo, 84,1% dos brasileiros que pretendem viajar nos próximos meses, optarão por destinos domésticos e Bonito está entre as opções.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions