A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

15/04/2016 09:17

Começam hoje os dias “D” da Caravana com cirurgias oftalmológicas

Meta da Secretaria de Saúde é fazer quatro mil cirurgias de olhos e seis mil exames durante a 10ª edição da Caravana da Saúde

Helio de Freitas, de Dourados
Caravana da Saúde acontece no Complexo Jorjão, no Jardim Água Boa (Foto: Eliel Oliveira)Caravana da Saúde acontece no Complexo Jorjão, no Jardim Água Boa (Foto: Eliel Oliveira)

Começa hoje (15) o período chamado de dias “D” da Caravana da Saúde, que acontece desde ontem em Dourados, a 233 km de Campo Grande. O esforço concentrado vai até domingo (17), mas os atendimentos do programa do governo do Estado continuam até o dia 26 deste mês. Hoje começam também os atendimentos de parceiros da caravana, como a Defensoria Pública e a Justiça Itinerante, onde é possível fazer até mesmo casamento.

O primeiro Dia D da campanha marca o início das cirurgias oftalmológicas, feitas nas carretas levadas para o Complexo Jorge Antônio Salomão, o Jorjão, onde a estrutura da caravana está instalada. De acordo com a coordenação do programa, a meta é fazer pelo menos quatro mil cirurgias de olhos e nove mil consultas oftalmológicas na décima edição da caravana.

Além de Dourados, essa edição da caravana – a penúltima, que a última será realizada em maio, em Campo Grande – atende pacientes de Caarapó, Deodápolis, Douradina, Fátima do Sul, Glória de Dourados, Itaporã, Jateí, Laguna Carapã, Rio Brilhante e Vicentina.

De acordo com o coordenador da Caravana da Saúde, o médico Marcelo Mello, a expectativa é de que sejam feitas em Dourados 4.650 consultas especialidades (ortopedia, psiquiatria, neurologia, urologia, dermatologia, otorrinolaringologia e cardiologia) e 1.600 cirurgias eletivas em hospitais. Serão 1.290 em Dourados e 310 em Fátima do Sul, no Hospital da Sias.

Governador na caravana – O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) acompanha os serviços da Caravana da Saúde amanhã. De acordo com a assessoria do governo, às 8h ele visita o Hospital da Sias, em Fátima do Sul, onde também estão sendo feitas cirurgias de especialidades dentro do mutirão de atendimento na região de Dourados.

Às 9h ele chega a Dourados, onde percorre o local da caravana, visita parceiros e fala com jornalistas. Às 11h30 faz a abertura da Caravana da Saúde na cidade.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions