ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, SÁBADO  04    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Condenado por estupro é capturado após manter ex-mulher presa em casa

Por Adriano Fernandes | 27/10/2021 20:22
Policiais que atuaram na prisão do criminoso. (Foto: Polícia Civil)
Policiais que atuaram na prisão do criminoso. (Foto: Polícia Civil)

Um homem condenado por estupro, de 57 anos, foi preso nesta quarta-feira (27), depois de manter a ex-mulher presa em casa, na cidade de Ribas do Rio Pardo, a 103 quilômetros da Capital. O criminoso cumpria pena no Presídio de Segurança Máxima da Capital, mas recentemente, teve progressão de regime e deixou a prisão.

Mesmo sabendo que não poderia se aproximar de sua ex-esposa, de 52 anos, por conta de medidas protetivas, ele a procurou e a forçou a reatarem o relacionamento. Conforme a Polícia Civil, desde então, o suspeito estava mantendo a vítima em cárcere privado, a proibindo de sair de casa e de manter contato telefônico com outras pessoas, tudo sob ameaça de morte.

O homem dizia à ex-mulher que, caso ela chamasse a polícia, seria morta antes mesmo dele ser preso. Contudo, nesta quarta-feira, a mulher conseguiu pegar o telefone sem que o agressor percebesse e, por meio do aplicativo WhatsApp, pediu socorro à Defensoria Pública. A Polícia Civil foi acionada e, imediatamente, foi até a residência e liberou a vítima.

Em ação rápida, investigadores do SIG (Setor de Investigações Gerais), com o apoio de um delegado e de um sargento da Polícia Militar, ingressaram no imóvel, uns pela frente e outros pelos fundos, e efetuaram a captura do suspeito. Ele foi preso e vai responder pelos crimes de cárcere privado e descumprimento de medidas protetivas.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário