A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

04/11/2015 10:40

Congestionamento chega a 4 km em protesto de moradores na MS-040

Caroline Maldonado
Manifestantes colocaram fogo em pneus para impedir passagem de condutores (Foto: Da hora bataguassu)Manifestantes colocaram fogo em pneus para impedir passagem de condutores (Foto: Da hora bataguassu)

A manifestação que reivindica a construção de um anel viário já dura quatro horas e tem congestionamento de 4 quilômetros na MS-338, no trecho que liga Santa Rita do Pardo a Bataguassu e na MS-040, acesso a Campo Grande. Os moradores e comerciantes colocaram fogo em pneus para impedir a passagem de veículos, segundo a Polícia Militar do município.

Eles reclamam que desde a pavimentação do trecho de 209 quilômetros da MS-040, aumentou o tráfego de caminhões na área urbana, que danificam as ruas. Um dos manifestantes, o comerciante Gilberto Catussi já perdeu a conta de quantos caminhões passam todos os dias em frente a loja.

“O tráfego de caminhões pesados dentro da cidade acabou com nosso asfalto. As ruas não estavam preparadas para esse trânsito. Queremos chamar atenção das autoridades para isso. Era para ter sido feito um anel viário, mas infelizmente isso não aconteceu”, comentou Gilberto. Segundo ele, os caminhoneiros que vão de Bataguassu a Campo Grande, passam por Santa Rita do Pardo para evitar o pedágio em Nova Alvorada do Sul.

Segundo o comerciante, foi aprovado um projeto na Câmara de Vereadores para que os veículos passassem dentro da cidade, pois isso aumentaria o fluxo de pessoas e traria benefícios, mas agora os moradores estão insatisfeitos com a situação.

“Os vereadores votaram um projeto para que o trânsito passasse na cidade para melhorar o movimento do comércio, mas isso só trouxe prejuízo”, disse. Segundo ele, os manifestantes não têm previsão de liberar a pista enquanto não houver a presença de autoridades ou veículos de imprensa no local.

A obra da MS-040 foi inaugurada no início deste ano. Como a pista é nova e tem pouco movimento, os condutores abusam da velocidade na MS-040. Além disso, o trecho é travessia de animais silvestres, o que também gera preocupação entre os moradores e condutores que usam a estrada frequentemente.

Moradores bloqueiam MS-040 e pedem anel viário para diminuir acidentes
Moradores bloquearam nesta manhã trecho da MS-040 que dá acesso ao município de Santa Rita do Pardo, a 266 quilômetros de Campo Grande. A manifestaçã...
Polícia carioca pede extradição de traficante preso no Paraguai
A extradição do traficante Marcelo Fernando Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, preso na cidade de Encarnación, no Paraguai, perto da fronteira com Mat...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions