ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, TERÇA  26    CAMPO GRANDE 21º

Interior

De dentro da Máxima, PCC coordenava "filial" do tráfico em município do interior

O homem, de 37 anos, e a mulher, de apenas 23, foram flagrados com 79 papelotes de maconha

Por Adriano Fernandes e Bruna Marques | 14/09/2021 21:27


Investigação da Polícia Civil levou à prisão, um casal de traficantes, que atuava como "braço" do PCC (Primeiro Comando da Capital), em Rochedo, município que fica a apenas 74 quilômetros de Campo Grande. A dupla recebia ordens dos integrantes da facção, que cumpre pena no Presídio de Segurança Máxima da Capital.

O homem, de 37 anos, e a mulher, de apenas 23, foram flagrados com 79 papelotes de maconha, em uma residência na Avenida Evangelina Vieira, que era usada como ponto de venda das drogas. A operação que resultou na prisão da dupla também contou com o apoio de policiais militares do município.

"Eles tinham o interesse de montar aqui, em Rochedo, um grupo da facção para fazer o fornecimento de drogas na região, mas eles acabaram sendo presos hoje", comenta o delegado da Polícia Civil de Rochedo, Roberto Duarte Faria. A dupla estava sendo investigada há cerca de 20 dias, conforme o delegado.

As porções de maconha foram encontradas dentro de uma geladeira e em um dos cômodos da casa. Na "boca de fumo", também estava um caderno com as anotações sobre as vendas de drogas na cidade e contatos feitos pelo casal com os comparsas da facção.

Os traficantes foram presos em flagrante por tráfico de drogas e seguem encarcerados na delegacia da Polícia Civil de Rochedo.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário