A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Fevereiro de 2017

18/08/2014 16:15

Equipamentos eletrônicos e documentos são furtados de órgão municipal

Priscilla Peres
Armários foram revirados e documentos furtados, (Foto: Diarionline)Armários foram revirados e documentos furtados, (Foto: Diarionline)

O Cras (Centro de Referência da Assistência Social) de Ladário - distante 419 km de Campo Grande, foi furtado na tarde de ontem. De acordo com o vigia do local, um grupo de adolescentes derrubou um portão e levou seis monitores de computador, dois nobreaks, notebook, um telefone sem fio, caixa de som, tintas, pastas com documentos públicos e materiais de oficinas de grafitagem.

Segundo informações publicadas pelo site Diarionline, o coordenador do Cras, Elvis Augusto Souza da Rocha suspendeu alguns benefícios depois do furto. “Levaram pastas com documentações referentes a fichas de beneficiário de vale gás; passe livre e passe intermunicipal”. O grupo também pichou algumas paredes.

Foi registrado boletim de ocorrência sobre o caso na Delegacia de Polícia Civil de Ladário e o local passará pela perícia técnica. Por conta do furto, o espaço cancelou as atividades desta segunda-feira e o serviço será retomado amanhã, possivelmente com equipamentos cedidos pela Secretaria de Assistência Social daquela cidade.

O coordenador destacou que o furto causa prejuízos à população que recebe os serviços do CRAS. “Prejudica todo o trabalho que oferecemos, hoje, por exemplo, tivemos de cancelar todos os atendimentos. Pedimos à população que comunique à Polícia se tiver alguma suspeita”, afirmou Elvis.

O Centro de Referência da Assistência Social de Ladário atende mais de 200 pessoas e oferece cursos de geração de renda como confeitaria e salgados; panificação; artesanato e pintura.

Homem é socorrido em estado grave após ser ferido com cinco facadas
Jovem de 26 anos foi ferido com pelo menos cinco facadas, na madrugada de hoje (26), na Avenida Brasil, no Bairro Centro, em Campo Grande. Genaro Fl...
Homem é preso por comércio ilegal e 216 kg de pescado são apreendidos
Equipes da PMA (Polícia Militar Ambiental) e Imasul (Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul) prenderam em Anastácio - cidade localizada a 1...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions