A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

30/03/2016 10:22

Estudo sobre mobilidade urbana é apresentado em audiência pública

Diagnóstico feito no ano passado por empresa gaúcha apontou pelo menos 40 cruzamentos que precisam de intervenção e defende mais espaço para ciclistas

Helio de Freitas, de Dourados
Audiência pública acontece hoje no auditório da prefeitura (Foto: Franz Mendes)Audiência pública acontece hoje no auditório da prefeitura (Foto: Franz Mendes)

O diagnóstico da mobilidade urbana, elaborado no ano passado por um escritório de arquitetura e urbanismo do Rio Grande do Sul, está sendo apresentado em audiência pública realizada nesta quarta-feira (30), no auditório da prefeitura de Dourados, cidade a 233 km de Campo Grande.

Entre as principais constatações, o estudo feito pela equipe do escritório Edson Marchioro Arquitetura, Urbanismo e Engenharia, de Caxias do Sul (RS), aponta pelo menos 40 cruzamentos críticos no perímetro urbano da segunda maior cidade de Mato Grosso do Sul que precisam de intervenção imediata e defende maior espaço para os ciclistas com a construção de ciclovias.

Outra realidade de Dourados apontada no estudo é a falta de calçadas e muitos obstáculos nos espaços públicos destinados aos pedestres e o grande número de veículos circulando todos os dias – são 136.964, dos quais 45% são carros.

De acordo com a prefeitura, a audiência de hoje faz parte da elaboração do plano diretor de mobilidade, que vai ordenar o desenvolvimento urbano da cidade pelos próximos 30 anos. Depois de pronto, o plano será enviado à Câmara de Vereadores, para se tornar lei.

Bicicletas – O diagnóstico que está sendo apresentado hoje destaca a necessidade de mais espaço para as pessoas que usam bicicleta em Dourados. O projeto “Rede Cicloviária Integrada” pretende tornar a bicicleta um meio de transporte adotado para diferentes atividades e classes sociais.

Para isso, segundo o estudo, é preciso revisar o desenho urbano de Dourados para ocupação mais coletiva e permitir a integração dos ciclistas com o transporte coletivo.

Homem morre afogado enquanto nadava em rio dentro de balneário
Um homem de 51 anos morreu na tarde deste domingo (17) em Bodoquena - município localizado a 266 km de Campo Grande. Ele se afogou no rio Salobra, qu...
Jovem perde controle de direção em curva e morre na MS-162
Marlon Alexandre Silva de Oliveira, 24 anos, morreu em acidente de trânsito, na madrugada deste domingo (17), na MS-162, em Maracaju, distante 160 qu...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions