A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019

08/09/2019 17:11

Grupo arromba porta de delegacia, destrói cadeado e resgata preso

Até o momento, não foram identificados suspeitos de serem comparsas do homem preso com carro furtado e arma

Liniker Ribeiro e Helio de Freitas
Parte dos materiais que teriam sido usadas em ação para resgatar preso em cela de delagacia (Foto: Direto das ruas) Parte dos materiais que teriam sido usadas em ação para resgatar preso em cela de delagacia (Foto: Direto das ruas)

A Polícia Civil de Coronel Sapucaia – distante 400 quilômetros da Capital – investiga a fuga de um homem que estava preso em uma das celas da delegacia do município desde a noite de ontem (8). A suspeita é de que um grupo, ainda não identificado, tenha invadido o local, no fim da manhã deste domingo (8), e feito o resgate do homem identificado como sendo Ari Pavam.

Pavam já foi condenado a pena de 11 anos e 4 meses de reclusão por tráfico de drogas, em processo que tramitou na Justiça do Ceará, em 2012. Ele e mais dois comparsas foram flagrados pelo transporte de 22,3 quilos de cocaína em um botijão de gás.

Ari Pavam, que já havia sido condenado a 11 anos de prisão por tráfico de drogas, foi preso em flagrante e fugiu da delegacia (Foto: Direto das Ruas)Ari Pavam, que já havia sido condenado a 11 anos de prisão por tráfico de drogas, foi preso em flagrante e fugiu da delegacia (Foto: Direto das Ruas)

Segundo apurou o Campo Grande News, tudo indica que, por volta das 12h, pessoas ainda não identificadas tenham pulado o muro da delegacia, arrombado a porta dos fundos e, pela cozinha, entrado e estourado o cadeado da cela ocupada pelo detento.

Os comparsas teriam aproveitado os 10 minutos em que o investigador de plantão se ausentou do local para buscar o almoço.

Ari havia sido preso em flagrante por volta das 20h de sábado com um veículo modelo Chevrolet Corsa Classic com registro de furto e portando arma modelo PT .45, com munições estrangeiras. O resgate aconteceu pouco mais de 15 horas depois da prisão.

Ainda segundo apurado pela reportagem, o homem estava detido na delegacia da cidade uma vez que o Estabelecimento Prisional de Amambai, município próximo, somente recebe presos após ordem judicial, o que só acontece após audiência de custódia, que estava programada para acontecer no início da semana.

Equipes da perícia foram acionadas para avaliar o local. Marcas na porta dos fundos indicam o arrombamento e na cela onde o homem estava foram encontradas facas, martelos e um taco de beisebol.

Porta dos fundos da delegacia, que dá acesso a cozinha, arrombada por comparsas (Foto: Direto das Ruas) Porta dos fundos da delegacia, que dá acesso a cozinha, arrombada por comparsas (Foto: Direto das Ruas)
Cela de delegacia aberta após cadeado ser estourado por criminosos (Foto: Direto das Ruas)Cela de delegacia aberta após cadeado ser estourado por criminosos (Foto: Direto das Ruas)
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions