A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

07/08/2016 10:41

Homem é autuado por construir residência em área de preservação permanente

Amanda Bogo
Construção a margem do rio Ivinhema, em Batayporã (Foto: Reprodução/PMA)Construção a margem do rio Ivinhema, em Batayporã (Foto: Reprodução/PMA)

Um homem de 60 anos foi autuado nesta semana em R$ 10 mil por descumprir a ordem de paralisar a construção de uma residência a margem do rio Ivinhema, em Batayporã, dentro de uma área de preservação permanente.

De acordo com a PMA (Polícia Militar Ambiental), a construção estava a sete metros da margem do rio, o que estaria destruindo matas ciliares e degradando parte da margem do curso d'água. A obra deveria estar a 100 metros da preservação permanente.

O homem foi autuado em R$ 10 mil e responderá por crime ambiental. Se condenado, pode pegar pena de prisão de um a três anos.

Réu em condenado em audiência realiza por videoconferência em São Gabriel
Foi realizada nesta semana em São Gabriel do Oeste - cidade localizada a 140 km de Campo Grande - o primeiro Tribunal do Júri por videoconferência da...
IFMS de Rio Brilhante forma 52 alunos em cursos de qualificação
Foi realizada nesta semana em Rio Brilhante - cidade localizada a 163 km de Campo Grande - a formatura de dos alunos que realizaram no polo local do ...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions