A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 18 de Outubro de 2019

03/09/2018 12:22

Homem é preso por manter filhos de 4 e 5 anos trancados em quarto escuro

Menino de cinco anos tinha hematomas e homem afirma que agressões foram praticadas pela madrasta das crianças, uma adolescente de 14 anos de idade

Helio de Freitas, de Dourados
Hematomas em menino de cinco anos; pai diz que foi a madrasta, de 14, que bateu no garoto (Foto: Divulgação)Hematomas em menino de cinco anos; pai diz que foi a madrasta, de 14, que bateu no garoto (Foto: Divulgação)

Um homem de 41 anos de idade está preso em Dourados, a 233 km de Campo Grande, acusado de maus tratos contra os dois filhos, de 4 e 5 anos. A madrasta das crianças, uma adolescente de 14 anos, foi acusada pelo companheiro de ter batido no menino maior. Ela ainda não foi localizada.

As crianças foram encontradas por conselheiros tutelares na noite de sábado (1º ) após denúncias dos vizinhos, na casa onde moram com o pai, no Jardim Santa Maria, na região leste de Dourados. Os dois meninos estavam trancados em um quarto escuro.

Quando os conselheiros chegaram ao local, bateram palmas e chamaram os moradores, mas ninguém saiu para atender. Os vizinhos afirmaram que as crianças estavam trancadas na casa.

Como o portão estava apenas encostado, os conselheiros entraram e pela janela perceberam os meninos no quarto. Com a ajuda de policiais que acompanhavam o atendimento, a porta foi arrombada para que as crianças fossem resgatadas. Para impedir que os meninos acendessem a luz do quarto, a lâmpada foi desrosqueada do soquete.

O menino de cinco anos tinha vários hematomas nas pernas, nos braços e nas costas. Ele contou aos conselheiros que defecou numa sacola plástica por não conseguir ir ao banheiro, já que estava trancado no quarto.

Quando o pai e a companheira chegaram na casa, a adolescente teria batido no menino, para castigá-lo. Depois o casal saiu novamente e deixou os meninos sozinhos.

Os meninos foram levados para um abrigo temporário, onde receberam atendimento médico e acompanhamento psicológico. Os conselheiros procuram a mãe biológica dos meninos e outros parentes.

Na madrugada de domingo, o pai foi até a 1ª Delegacia de Polícia e alegou nunca ter batido nos filhos. Ele culpou a companheira pelas agressões, mas foi preso por abandono e maus tratos dos filhos.

O delegado Marcelo Batistela Damaceno, da 2ª Delegacia de Polícia, disse que as crianças estavam abandonadas e lesionadas e a investigação vai apurar quem foi o autor das agressões. Mesmo que tenha sido a adolescente a autoras das lesões, o pai vai responder por abandono.



Não vou escrever o que eu penso sobre este de MONSTRO COVARDE, porque para este jornal, seria perda de tempo, pois não publicam. Mas, resumindo este tipo de verme, no mínimo, merecia uma Prisão Perpétua.
 
Ezequiel em 04/09/2018 13:54:02
JOGO DOS ERROS:
Pai não sai de casa e deixa os filhos;
Pai de 41 com adolescente de 14? Pode isso Arnaldo?;
Madrasta com 14 anos;
Lâmpadas desrosqueadas;
Defecar em saco plástico;
Um menino de cinco anos com vários hematomas;
Crianças estavam trancadas na casa.
 
Alex André de Souza em 03/09/2018 14:35:02
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions