A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 15 de Outubro de 2019

25/10/2018 13:37

Homem que matou o filho se apresenta e confirma versão de tiro acidental

Segundo o pai, tiro acidental aconteceu enquanto ele mostrava arma a um possível comprador

Guilherme Henri
Delegado Diego Dantas Santos (Foto: Sidrolândia News)Delegado Diego Dantas Santos (Foto: Sidrolândia News)

Acompanhado de um advogado, Gerson Reinaldo da Silva - que matou o filho de 10 anos com um tiro acidental – se apresentou à polícia na manhã desta quinta-feira (25). Segundo o delegado Diego Dantas Santos, em depoimento, o homem manteve a versão de que mostrava a arma a um colega com o objetivo de vendê-la quando acabou disparando.

“Ele disse que após o tiro tentou buscar ajuda para o filho, porém ficou desnorteado”, detalhou o delegado.

Além disso, Gerson também confirmou que não possuía o registro da arma. Por isso, vai responder por homicídio culposo e porte de arma ilegal.

“Vamos aguardar os laudos periciais para concluir o inquérito e relatá-lo ao Ministério Público”, adianta Diego.

O pai foi ouvido e em seguida liberado. Ele responde na Justiça por uma violência doméstico, porém devido ao período eleitoral mandados de prisões não podem ser cumpridos.

Acidente - O caso aconteceu na semana passada, no lote 268 do Assentamento São Pedro, em Sidrolândia – a 71 quilômetros da Capital. 

O tiro atingiu o ombro do filho, Vicente de Oliveira da Silva e a mesma bala atingiu o maxilar da criança. Vicente morreu antes que fosse socorrido. Em seguida, o pai fugiu. a arma, uma espingarda calibre 36 está apreendida.

 

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions