ACOMPANHE-NOS    
OUTUBRO, SEGUNDA  25    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Horas antes de morrer na BR-163, comerciante já havia sofrido acidente

A vítima foi identificada como Joelma Gonçalves Pereira e é de Nova Alvorada do Sul

Por Geisy Garnes | 18/09/2021 16:59
Carro ficou destruído com o impacto (Foto: Olimar Gamarra)
Carro ficou destruído com o impacto (Foto: Olimar Gamarra)

Foi identificada como Joelma Gonçalves Pereira a vítima da colisão entre picape e duas carretas na BR-163, entre o distrito de Prudêncio Thomaz e Rio Brilhante, a 163 quilômetros de Campo Grande, no início da tarde deste sábado (18). A mulher de 50 anos era comerciante em Nova Alvorada do Sul e horas antes havia se envolvido em outro acidente.

Conforme testemunhas, Joelma dirigia um Volkswagen Saveiro sentido Dourados para Nova Alvorada do Sul e pouco antes do acidente fatal, no quilômetro 299, chegou a colidir com um veículo Honda Fit. Como o acidente não foi grave, ela conversou com a motorista e seguiu viagem.

Joelma morreu antes mesmo de receber socorro (Foto: Redes Sociais)
Joelma morreu antes mesmo de receber socorro (Foto: Redes Sociais)

Próximo ao quilômetro 336 da rodovia, ela invadiu a contramão e bateu em uma carreta Iveco de cor laranja, que vinha no sentido Nova Alvorado do Sul/ Dourados. Com o impacto acabou atingido outra carreta tanque, que chegou a sair da pista. Nenhum dos motoristas ficou ferido, mas a picape da comerciante ficou destruída. Ela morreu antes mesmo de ser socorrido.

Imagens aéreas da colisão mostram o estrago do veículo em que a mulher estava. A pista ficou completamente interditada e pedaços da lataria ficaram espalhados na pista. Conforme apurado pela reportagem, Joelma era proprietária de uma loja de roupas e acessórios em Nova Alvorada.

Caso foi registrado pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) e as causas do acidente serão investigados pela Polícia Civil.

Imagens aéreas da colisão mostram o estrago do veículo (Foto: Ronis Cesar)
Imagens aéreas da colisão mostram o estrago do veículo (Foto: Ronis Cesar)


Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário