ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JUNHO, SÁBADO  15    CAMPO GRANDE 22º

Interior

Jovem que matou agente da Unei diz que já teve relacionamento com a vítima

Na versão apresentada pelo autor, a intenção era apenas furtar a motocicleta da vítima

Por Ana Beatriz Rodrigues | 14/05/2024 14:50
Entrada da 1ª Delegacia de Polícia Civil onde caso é investigado (Foto: Anderson Gallo | Diário Corumbaense)
Entrada da 1ª Delegacia de Polícia Civil onde caso é investigado (Foto: Anderson Gallo | Diário Corumbaense)

Eleonai Martins Silva, de 18 anos, apontado como um dos autores do latrocínio contra agente da Unei, Reginaldo Souza Gomes, de 45 anos, contou em depoimento à polícia que ele e a vítima já tiveram um relacionamento amoroso momentâneo.

O delegado responsável pela investigação, Jean Castro, titular da 1° Delegacia de Corumbá, informou que o jovem relatou que ele e o comparsa, que está foragido, foram até a casa de Reginaldo já na intenção de levar alguns pertences, mas que não era intenção matar.

“Por ter a confiança da vítima, Eleonai e o comparsa conseguiram entrar na casa dele. Ele alegou inicialmente que tentaram apagar o Reginaldo para poder levar os pertences e que em certo momento o agente acordou, em seguida o comparsa foi dar um mata-leão novamente e com esse golpe ele morreu”, pontou Jean.

Em tese na versão apresentada pelo autor a intenção era apenas furtar a motocicleta da vítima. Jean ainda contou que no momento da prisão Eleonai confessou o crime e entregou o comparsa.

O autor já respondeu por ato infracional quando era adolescente, mas até o momento não tinha nenhuma condenação. Também não disse se conheceu o agente quando estava na Unei. O caso continua em investigação para prender o segundo envolvido na morte do servidor público.

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Nos siga no Google Notícias