A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Segunda-feira, 26 de Junho de 2017

04/11/2014 16:15

MPE dá 15 dias para Vivo melhorar a prestação de serviços

Priscilla Peres

A operadora Vivo tem 15 dias para melhorar o serviço de telefonia móvel em Dourados - distante 233 km de Campo Grande, de acordo com determinação da Justiça, em liminar concedida a pedido do MPE/MS (Ministério Público Estadual). Se descumprir a decisão, a empresa pode ser multada em R$ 100 mil por dia.

Conforme a liminar, se a operadora não cumprir com as determinações dentro do prazo também terá que retirar de seu site e qualquer outro meio de comunicação, propagandas da boa qualidade do sinal ofertado aos seus usuários, na região de Dourados. A empresa tem 72 horas para a o cumprimento sob pena diária de R$ 100 mil.

Além disso, a empresa também ficará proibida de comercializar novas linhas de telefonia móvel e/ou novos chips, em Dourados, sob pena de multa diária de R$ 100 mil, caso não cumpra a determinação. A decisão da liminar é da juíza de Direito de Dourados, Larissa Ditzel Cordeiro Amaral.

O Inquérito Civil nº 49/2014, iniciado por força de 95 reclamações de usuários formalizadas junto à Ouvidoria do Ministério Público Estadual, acusam que a Vivo está prestando serviços de má qualidade no município de Dourados, que se traduzem em queda de sinal durante as chamadas, baixo nível de sinal, inexistência e insuficiência do serviço 3G, falha na transmissão de voz, causando prejuízos financeiro, profissional, psicológico e afetivo aos seus consumidores.

Além das reclamações realizadas no MPE, comprovou-se no inquérito civil que os consumidores apresentaram outras 93 reclamações junto à Anatel, no ano de 2014, bem como 3.183 no próprio SAC da Vivo, entre os anos de 2013 e 2014, todas em relação à má qualidade do sinal de telefonia móvel.

O Ministério Público do Estado em sua ação sustentou que a Vivo desrespeita a legislação consumerista e a própria Constituição Federal, menoscabando seus consumidores quando tentam realizar algum tipo de reclamação junto ao serviço de atendimento ao cliente, afirmando que o serviço prestado não tem problemas e é regular.

A Vivo ainda não se manifestou a respeito do pedido. Como a decisão é liminar, ou seja, provisória, pode ser derrubada a qualquer momento.

Jovem é atingida por tiros após discussão com homem em bar
Mulher de 20 anos ficou gravemente ferida ao ser atingida por dois tiros disparados por um homem que ainda não foi identificado. O crime aconteceu po...
Oficial da polícia reage a roubo no meio da rua e mata assaltante a tiros
Danilo Araújo Montania, 22, morreu ao ser atingido por tiros disparados por um homem que ele tentava roubar. O caso aconteceu na noite de ontem (25),...



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions