A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 18 de Novembro de 2017

29/10/2012 16:45

MPE denuncia dois por estupro e favorecimento à prostituição em Nova Andradina

Gabriel Neris

O MPE (Ministério Público Estadual) denunciou duas pessoas pelos crimes de estupro de vulnerável e favorecimento à prostituição, após investigação do Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado), em Nova Andradina. A operação teve duração de dois meses.

Durante a investigação, a vítima menor de idade passou por terapias com psicólogo. A polícia grampeou os telefones dos acusados para garantir provas.

De acordo com a investigação, entre 2008 e 2011, um dos acusados intermediava encontros sexuais da própria filha, na época com 9 anos de idade. Quem pagava para cometer o abuso era o segundo acusado, um advogado de Nova Andradina.

Segundo a polícia, os encontros aconteciam no próprio escritório de advocacia do acusado. Em outra oportunidade, o encontro aconteceu num motel de Campo Grande.

Segundo o MPE, a prisão preventiva dos dois acusados foi decretada após terem sido flagrados, em conversas telefônicas, combinando uma forma de fazer com que a vítima mudasse a versão apresentada.

A denúncia foi oferecida hoje (29) pela manhã e os acusados continuam sob custódia na Cadeia Pública de Nova Andradina.

O processo criminal tramita na Vara Criminal de Nova Andradina sob segredo de justiça. 



Porque não cito o nome destes vagabundos, eles não merecem ficar no anonimato.
 
juvenil marques em 30/10/2012 12:01:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions