A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 18 de Setembro de 2019

21/12/2017 17:56

Município amplia para 37% recursos para educação e 17% para saúde

Valores da Lei Orçamentária Anual foram aprovados durante sessão nesta semana. Também foi criado fundo para prestação de socorro em desastres naturais.

Anahi Gurgel
Avenida em Costa Rica. (Foto: Paulo Francis)Avenida em Costa Rica. (Foto: Paulo Francis)

Para 2018, os investimentos do município de Costa Rica, distante 305 km de Campo Grande, serão ampliados em 37% na área de educação e 17% em saúde. O valor consta no projeto da Lei Orçamentária Anual aprovado pela Câmara de Vereadores na última segunda-feira (18).

No orçamento de 2017, a prefeitura havia estabelecido limite de gastos de R$ 23,4 milhões para a educação, sendo que para o próximo ano ficará em R$ 32.3 milhões - R$ 8,8 milhões de incremento.

Na área de saúde, o investimento para 2018 será de R$ 30,5 milhões – R$ 4,6 milhões a mais que o valor deste ano, que foi de R$ 25,8 milhões.

A matéria foi apreciada em segundo turno, com oito votos favoráveis e dois contrários, e também eleva em 26,9% o valor destinado para o custeio da liberação de emendas parlamentares impositivas de autoria dos vereadores.

O salto de foi de R$ 563,2 mil neste ano para R$ 715 mil para 2018 – cada vereador tem até R$ 65 mil para liberação de emendas.

A Lei Orçamentária Anual támbém cria o Fundo Municipal de Defesa Civil, reservando R$ 1,16 milhões para prestação de socorro e amparo às pessoas atingidas por desastres naturais na cidade.

A previsão é de no próximo ano serão arrecadadps R$ 116,5 milhões para os cofres municipais, ou seja, 7,69% a mais em comparação ao ano passado.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions