ACOMPANHE-NOS    
MARÇO, QUINTA  04    CAMPO GRANDE 24º

Interior

“Não é só uma gripezinha”, disse prefeito antes de ser internado em UTI

Juliano Ferro (DEM) admitiu que chegou a duvidar dos efeitos da doença e pediu para que a população ficasse em isolamento

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 20/01/2021 23:47


Quatro dias antes de ser internado com covid-19 em uma UTI (Unidade de Terapia Intensiva) o prefeito de Ivinhema, Juliano Ferro (DEM) fez um apelo para que a população do município respeitasse o isolamento para ajudar a conter o avanço do vírus na cidade.

Aparentemente debilitado, com dificuldade para respirar e bastante emocionado depois de ter enterrado o pai, Ademilso Costa Donato, vítima da doença, Juliano admitiu que chegou a duvidar dos efeitos da doença durante a pandemia, mas que agora sabe que ela não se tratava apenas de uma “gripezinha”.  “De 30 dias para cá a nossa vida se tornou um inferno”, disse ele ao lado da esposa, filha e sobrinha em live pelo Facebook.

“Eu fui em alguns momentos irresponsável, porque achei que a esse covid era só uma gripezinha, e não é não. Anteontem eu enterrei o meu pai e para mim estar aqui fazendo essa live é muito difícil”, completou Juliano Ferro, chorando.

No vídeo, além de falar sobre o contexto da morte do pai, Juliano citou o próprio estado de saúde para dimensionar a gravidade como que a doença se alastrou pela família.

Prefeito de Ivinhema internado em hospital com covid-19. (Foto: Direto das Ruas)
Prefeito de Ivinhema internado em hospital com covid-19. (Foto: Direto das Ruas)

“Eu estou contaminado, hoje eu amanheci bem ruim, de ontem para cá eu arruinei muito. Estou falando e meu ar está pesando, eu estou ficando mais deitado e minha esposa está contaminada, minha filha e minha sobrinha também”, lamentou.

Juliano então volta a chamar a atenção da população para o avanço da doença na cidade.

 “Não é uma gripezinha, não é brincadeira. Eu vejo aqui em Ivinhema que o povo não esta nem ai, todos nós, vocês, estão sendo incompetentes por não estarem dando atenção para o tamanho da gravidade”, desabafa.

Durante a live o prefeito se julgou irresponsável ao admitir que não descartava a hipótese dele mesmo ter passado a doença para o pai, e confessou que estava com medo da covid-19.

 “Fiz um ato de irresponsabilidade, estou pagando caro e vou pagar caro o resto da minha vida e não sei quando que chego ao final. Está vendo aqui? Estamos todos contaminados, todos, e eu estou morrendo de medo, choro toda hora com medo de ter de enterrar alguém próximo a mim. Um eu já enterrei”, conta.

Na live o prefeito ainda comentou que a cidade nunca havia atingido um pico de contaminação como nas duas últimas semanas. Juliano cita que muitos funcionários da secretaria haviam sido afastados por conta da doença e diante da grande quantidade de casos positivos, prometeu que tomaria decisões drásticas para diminuir o fluxo de pessoas nas ruas.

“Venho aqui população de Ivinhema pedir a vocês, isolamento. Nunca chegamos num pico desse, em duas semanas, mais 250 contaminados. Se você não se prevenir, não se segurar dentro de casa eu vou ser obrigado a tomar decisões drásticas”, disse pouco antes de encerrar a gravação.

Ivinhema já registrou 873 casos de coronavírus, conforme divulgado por boletim da SES (Secretaria Estadual de Saúde). Deste número, 16 pessoas morreram.

Internado - Juliano foi internado em Ivinhema na manhã de hoje (20), mas equipe médica optou pela transferência para o Hospital Regional de Nova Andradina onde ele está na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo). Entre os sintomas, Juliano apresentou febre e dificuldade para respirar.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário