A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

13/06/2016 10:40

Palco de guerras e marcada pela cultura, Porto Murtinho completa 104 anos

Ricardo Campos Jr.
Um dos monumentos em Porto Murtinho, cidade aniversariante nesta segunda-feira (Foto: Divulgação / prefeitura de Porto Murtinho)Um dos monumentos em Porto Murtinho, cidade aniversariante nesta segunda-feira (Foto: Divulgação / prefeitura de Porto Murtinho)

A cidade de Porto Murtinho, que nesta segunda-feira (13) completa 104 anos e emancipação política e administrativa, tem diversos eventos programados para comemorar a data. Segundo informações da assessoria de imprensa do município, a festa começou às 6h com uma alvorada festiva com hasteamento das bandeiras no Teatro Arena da Conceição.

Em seguida, na Rua Pedro Celestino, foi realizado a partir das 8h o desfile cívico e militar com a participação das Forças Armadas, entidades beneficentes e escolas do município.

As comemorações do aniversário de Porto Murtinho começaram na verdade na sexta-feira (10) com a final do Festival da Canção e prosseguiram no sábado (11), segundo a assessoria da prefeitura, com uma feijoada promovida pela APAE e uma festa junina no Ceinf (Centro de Educação Infantil) da cidade.

No domingo (12), a programação foi voltada ao esporte com a final da 1ª Copa Regional de Futebol nas categorias sub 11 e sub 13 no estádio Walfrido Concha. Durante a noite daquele dia houve um show com a dupla Tony & Alberto e com o grupo Axé Mix.

Memória – Porto Murtinho nasce por volta de 1982 quando o engenheiro Antônio Corrêa da Costa construiu um porto rústico de madeira na Fazenda Três Barras para exportar erva mate às margens do Rio Paraguai, a cerca de 50 quilômetros da foz do Rio Apa. O lugar logo foi considerado estratégico para o comércio daquele produto, atraindo a atenção de comerciantes e empresários da região.

A importância história do município, que hoje tem cerca de 16,5 mil habitantes, provém de o local ter sido palco de diversos acontecimentos importantes no país, como a Guerra do Paraguai e a Revolução de 1932.

No cenário cultural, Murtinho é conhecida por sua Festa do Touro Candil, que deriva de uma brincadeira comum na fronteira Brasil-Paraguai onde um grupo de pessoas festeja ao redor de uma carcaça de boi geralmente jogando uma bola envolta em chamas. A cidade adaptou a manifestação folclórica e dividiu-se em dois grupos, criando os touros Bandido e Encantado que disputam quem é o verdadeiro descendente de Candil.



imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions