ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, SEGUNDA  20    CAMPO GRANDE 17º

Interior

PF vai a condomínio de luxo e construtora em ação contra tráfico de 6 toneladas

São cumpridos 64 mandados de busca e apreensão, 25 de prisão preventiva, e 11 de prisão temporária

Por Dayene Paz e Helio de Freitas, de Dourados | 15/05/2024 08:10


A PF (Polícia Federal) saiu às ruas, mais uma vez, para desarticular quadrilha de tráfico de drogas e armas, que age em Mato Grosso do Sul e mais 10 estados brasileiros. A estimativa é que o grupo criminoso já transportou, em três anos, seis toneladas de cocaína para países da América Central, além de ser investigado  por tortura, evasão de divisas e falsificação de documentos públicos.

São duas operações simultâneas, a Sordidum e Prime, deflagradas nesta quarta-feira (15), para cumprimento de 64 mandados de busca e apreensão, 25 de prisão preventiva, e 11 mandados de prisão temporária, em Mato Grosso do Sul, Alagoas, Bahia, Goiás, Mato Grosso, Pará, Paraná, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraíba e São Paulo.

Além dos mandados, houve sequestro de cerca de 90 imóveis identificados dos investigados. Também, o bloqueio de bens e valores de cerca de 80 pessoas e empresas envolvidas.

Para movimentação e ocultação dos valores e bens, a quadrilha utilizava doleiros atuantes na fronteira do Brasil com países vizinhos, "além da criação de empresas de fachada, negócios dissimulados e pessoas interpostas", explica a Polícia Federal.

Em Dourados, viaturas da PF estão na Referência Construtora e Incorporadora, localizada na Avenida Dom Redovino Rizzardo; na Primeira Linha Acabamentos e na Focco Imobiliária, ambas na Avenida Weimar Gonçalves Torres.

Viatura da PF durante cumprimento de mandados em empresa. (Foto: Leandro Holsbach)
Viatura da PF durante cumprimento de mandados em empresa. (Foto: Leandro Holsbach)

A Referência pertence a Claudinei Tolentino Marques, dono da Federal Armas, fechada em julho do ano passado acusado de comércio ilegal de fuzis importados dos Estados Unidos. Armas foram vendidas ilegalmente através da empresa até para traficante foragido da Justiça.

Policiais federais também estão em pelo menos um endereço no Residencial Porto Madero - condomínio de luxo em Dourados.

Grande quantidade de dinheiro em espécie já foi apreendida durante a operação de hoje, mas valores ainda não foram informados. Um balanço será divulgado no fim da tarde, segundo a Polícia Federal.

Policiais federais em condomínio de Dourados. (Foto: Direto das Ruas)
Policiais federais em condomínio de Dourados. (Foto: Direto das Ruas)

Receba as principais notícias do Estado pelo Whats. Clique aqui para acessar o canal do Campo Grande News e siga nossas redes sociais.

Confira a galeria de imagens:

  • Viatura da PF durante cumprimento de mandados em empresa. (Foto: Leandro Holsbach)
  • Campo Grande News
  • Campo Grande News
Nos siga no Google Notícias