ACOMPANHE-NOS    
DEZEMBRO, QUARTA  08    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Policial é executado na fronteira; segundo em menos de 24h

Veículo que pode ter sido usado pelos atiradores foi encontrado em chamas

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 12/10/2021 20:55
Policial morto dentro do próprio veículo. (Foto: Direto das Ruas) 
Policial morto dentro do próprio veículo. (Foto: Direto das Ruas)

Mais um policial foi morto a tiros por pistoleiros na fronteira do Brasil com o Paraguai, nesta terça-feira (12). O suboficial Hugo Ronaldo Acosta estava em um veículo Voyage que foi alvejado por dois homens nesta noite, na Rua Palma, em Pedro Juan Caballero, cidade paraguaia vizinha de Ponta Porã, a cerca de 323 quilômetros da Capital. 

Hugo era lotado na 10ª Delegacia de Bella Vista, PY. Logo após o atentado, um veículo, que possivelmente foi usado pelos atiradores, foi encontrado em chamas no Bairro de María Auxiliadora.

Peritos ainda estão fazendo o levantamento no local do crime. Ainda não se sabe quantos disparos atingiram a vítima. O celular do policial também será periciado em busca de alguma pista sobre as circunstâncias do ataque.

2º ataque - Nesta manhã (12), o policial conhecido como Pastor Miltos Duarte também foi assassinado em Karapai, cidade paraguaia a cerca de 60 km de Ponta Porã (MS). Ele estava em casa e foi atingido por tiros no tórax.

Segundo a polícia, Duarte era "compadre" de Carlos Rubén Sánchez Garcete, o “Chicharõ”, executado por pistoleiros em agosto deste ano, em Pedro Juan Caballero, na fronteira seca com Mato Grosso do Sul.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário