A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 26 de Março de 2017

01/02/2015 10:28

Prefeitura estabelece regras e multas para quem deixar de limpar terrenos

Priscilla Peres
Quem for reincidentes irá pagar a multa duplicada, que soma quase R$ 1,8 mil.  (Foto: Dourados Agora)Quem for reincidentes irá pagar a multa duplicada, que soma quase R$ 1,8 mil. (Foto: Dourados Agora)

A prefeitura de Dourados - distante 233 km de Campo Grande, deixou mais rígidas as regras para quem não limpar terrenos sem uso. O edital que notifica os proprietários traz mudanças este ano,e é preciso ficar atento aos prazos e às novas regras.

A notificação para que seja realizada a limpeza e roçada dos terrenos foi publicada no dia 16 deste mês no Diário Oficial do município. A partir desta data foi dado um prazo de 10 dias úteis para que os proprietários de terrenos façam a limpeza dos locais, ou seja, o período se encerrou na sexta-feira, dia 30.

Em caso de descumprimento da medida, a prefeitura vai executar os serviços. No entanto, o município cobra dos proprietários dos terrenos os custos dos trabalhos, além da aplicação de taxas e multas, conforme previsto em lei municipal.

Além destas regras, o edital de notificação deste ano traz duas novidades. A primeira é que o valor da multa será cobrado em dobro dos reincidentes. Num terreno de 360 metros quadrados, por exemplo, o dono que deixar para a prefeitura fazer o serviço pela segunda vez, pode chegar a pagar até R$ 1.740.

A outra novidade é que fica estabelecido que a notificação publicada este mês é válida para todo o ano de 2015. Dessa forma, se a prefeitura encontrar o terreno sem roçada em qualquer época do ano, fará o trabalho e vai cobrar do proprietário.

“Se o dono do terreno foi multado no ano passado e não fizer a roçada dentro do prazo este ano, já é considerado um reincidente e vai pagar mais caro. Caso ele faça a limpeza agora dentro do prazo e lá pelo meio do ano a prefeitura encontre o terreno sujo, ele será multado e se não tiver feito nas duas ocasiões, será um reincidente”, explica o secretário de Serviços Urbanos, Marcio Katayama.

Homem de 74 anos é morto a tiro em frente de casa por causa de fofoca
Jucelino Antônio Pereira, 74 anos, foi morto com um tiro no ombro, no distrito do Alto Santana, em Paranaíba, distante 422 quilômetros de Campo Grand...
Por rixa antiga, adolescentes matam jovem de 18 anos a facadas
Uma briga acabou em morte na noite de ontem em uma lanchonete de Juti, município a 320 quilômetros de Campo Grande. Willian Santiago Perrengue, de 18...



Tinha que pegar pesado aqui em Campo Grande tb.
 
Max em 02/02/2015 08:15:37
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions