ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
JULHO, SÁBADO  20    CAMPO GRANDE 20º

Interior

S10 com maconha não foi abandonada onde foram feitas fotos, diz DOF

Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 19/07/2018 20:03
O carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. (Foto: DOF)
O carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. (Foto: DOF)

Local de onde foram tiradas as fotos da caminhonete Chevrolet S10, cinza, apreendida pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira) com uma tonelada de maconha, esta tarde (19), não é o trecho em que dois traficantes abandonaram a carga e o veículo, esta tarde (19).

Depois que os traficantes furaram bloqueio e fugiram em meio a um matagal, os policiais retornaram no local em que estavam fazendo o bloqueio, na MS-156 entre Caarapó e Amambai. "Portanto, esse local onde foi tirada a foto não é o local onde abandonaram a carga e o veículo", comentou o diretor do DOF, Kleber Haddad Lane.

O Campo Grande News havia feito o questionamento ao DOF após fotos que mostram a camionete parada entre lavouras, nos dois lados da estrada e não próximo ao matagal, descrito do boletim de ocorrência.

Lane ainda ressaltou que dois policiais perseguiram os suspeitos por cerca de três quilômetros, até a dupla desaparecer em meio a mata, próximo a Fazenda Campanário. 

Segundo o DOF, o carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. A S10 tinha sido roubada no dia 21 de fevereiro de 2016, em Rio Verde (GO).

Nos siga no Google Notícias