ACOMPANHE-NOS    
AGOSTO, QUINTA  18    CAMPO GRANDE 16º

Interior

S10 com maconha não foi abandonada onde foram feitas fotos, diz DOF

Por Adriano Fernandes e Helio de Freitas | 19/07/2018 20:03
O carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. (Foto: DOF)
O carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. (Foto: DOF)

Local de onde foram tiradas as fotos da caminhonete Chevrolet S10, cinza, apreendida pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteira) com uma tonelada de maconha, esta tarde (19), não é o trecho em que dois traficantes abandonaram a carga e o veículo, esta tarde (19).

Depois que os traficantes furaram bloqueio e fugiram em meio a um matagal, os policiais retornaram no local em que estavam fazendo o bloqueio, na MS-156 entre Caarapó e Amambai. "Portanto, esse local onde foi tirada a foto não é o local onde abandonaram a carga e o veículo", comentou o diretor do DOF, Kleber Haddad Lane.

O Campo Grande News havia feito o questionamento ao DOF após fotos que mostram a camionete parada entre lavouras, nos dois lados da estrada e não próximo ao matagal, descrito do boletim de ocorrência.

Lane ainda ressaltou que dois policiais perseguiram os suspeitos por cerca de três quilômetros, até a dupla desaparecer em meio a mata, próximo a Fazenda Campanário. 

Segundo o DOF, o carregamento de maconha estava dividido em 56 sacos e pesou 1.026 quilos. A S10 tinha sido roubada no dia 21 de fevereiro de 2016, em Rio Verde (GO).

Nos siga no Google Notícias