ACOMPANHE-NOS    
JANEIRO, QUARTA  26    CAMPO GRANDE 28º

Interior

Segurança sobrevive após ser atingido por três tiros na cabeça em Chapadão

Por Francisco Júnior | 07/03/2012 09:56

A vítima não se lembrava que havia sido baleada na cabeça.

O segurança Gilmar Soares de Matos sobreviveu após ser atingido na cabeça por três tiros na noite do último dia 5, em Chapadão do Sul. Ele foi operado, porém, a equipe médica retirou apenas um projétil, dois ainda permanecem alojados na cabeça dele.

De acordo com o Chapadense, a tentativa de homicídio aconteceu na BR-060. Ele foi encontrado ferido por um produtor rural que passava pelo local. Ele foi deixado no batalhão da Polícia Militar da cidade. Lá informou que havia sido agredido, mas não disse que foi atingido por três tiros.

A vítima foi encaminhada para o hospital onde foi submetida ao exame de raio X que mostrou os projeteis na cabeça dela.

Nilton Pereira Prado e Odeir Pereira de Freitas foram presos suspeitos de terem cometido o crime.

Conforme o boletim de ocorrência, os dois homens convidaram o segurança para tomar cervejas em um bar no município de Paraíso das Águas. Na volta, pararam o carro num trecho da BR-060. Gilmar foi imobilizado por Nilton e agredido com socos e pontapés por Odeir.

A vítima relatou que para não apanhar mais, fingiu-se de morta. Após as agressões e atirar contra o segurança, os dois homens fugiram do local levando a carteira de Gilmar com R$ 150 e documentos e um aparelho celular.

Conforme o site, a vítima não se lembrava que havia sido baleada na cabeça.

Nos siga no Google Notícias
Regras de comentário