ACOMPANHE-NOS     Campo Grande News no Facebook Campo Grande News no Twitter Campo Grande News no Instagram
MAIO, QUINTA  30    CAMPO GRANDE 25º

Interior

Suspeito de comprar votos é preso com carro da prefeitura e R$ 10 mil em espécie

Homem não soube comprovar origem do dinheiro e foi levado para a delegacia

Dayene Paz | 29/09/2022 07:49
Delegacia de Anastácio, para onde motorista foi levado. (Foto: Divulgação)
Delegacia de Anastácio, para onde motorista foi levado. (Foto: Divulgação)

Suspeito de compra de votos foi preso em flagrante pela PRF (Polícia Rodoviária Federal), nesta quarta-feira (28), em Anastácio, a 122 km de Campo Grande, ao ser flagrado com R$ 10 mil dentro do carro da Prefeitura de Corumbá.

Conforme a PRF, uma denúncia anônima levou até o suspeito, que ocupava o carro pertence à Secretaria de Saúde do município. Ao abordar o motorista, foi encontrada a quantia de R$ 10 mil em espécie que, segundo ele, era para comprar uma casa no valor de R$ 21 mil.

Contudo, a PRF não acreditou na história. Como ele não foi capaz de comprovar a origem lícita do dinheiro e considerando as condições em que foi encontrado, o motorista foi conduzido à Polícia Judiciária local.

Prisão de eleitores - O Código Eleitoral determina que nenhum eleitor pode ser preso ou detido, a não ser em casos de flagrante delito, em função de sentença criminal condenatória por crime inafiançável ou por desrespeito a salvo-conduto. O período vai de 5 dias antes das eleições até 2 dias após o pleito, no próximo domingo (2).

Nos siga no Google Notícias