A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

03/05/2016 18:18

Suspeito de roubo milionário a banco de Sonora é preso no Mato Grosso

Paulo Yafusso
Suspeito foi preso em Poconé (MT), mas a polícia não permitiu fotos que o identifique (Foto: Site Poconet)Suspeito foi preso em Poconé (MT), mas a polícia não permitiu fotos que o identifique (Foto: Site Poconet)

Um homem suspeito de envolvimento com a quadrilha que explodiu a agência do BB (Banco do Brasil) de Sonora (364 km de Campo Grande) foi preso na manhã desta terça-feira (3) em Poconé, cidade a 100 km de Cuiabá (MT) em uma grande operação. A ação envolveu policiais do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubos a Banco, Assaltos e Sequestros) de Mato Grosso do Sul, Polícia Civil de Poconé e o GCCO (Gerência de Combate ao Crime Organizado), também de Mato Grosso.

De acordo com o site de notícias Poconet, o rapaz, conhecido como “Cabral”, foi preso em uma casa no bairro Santa Tereza. Ele estaria com mandado de prisão expedido pela Justiça, pelo envolvimento no roubo a agência do BB de Sonora, na divisa com a cidade mato-grossense de Rondonópolis. O delegado Fábio Peró, do Garras, afirmou que o homem preso é tratado como suspeito, mas ainda não há nenhuma comprovação do envolvimento dele no crime.

O roubo à agência do BB de Sonora foi na madrugada do dia 18 de abril deste ano. Com base nas imagens das câmeras de segurança de prédios próximo ao banco, a polícia acredita que a quadrilha tenha entre 8 a 12 integrantes. O bando usou dois carros que haviam sido roubados em Mato Grosso, um deles a 60 km de Poconé. Os veículos foram encontrados abandonados no mesmo dia do roubo.

Na madrugada do crime, a quadrilha agiu em dois grupos. Enquanto um explodia a agência para roubar o dinheiro dos caixas eletrônicos o outro atirava com fuzil nas viaturas e nos prédios das polícias, para evitar perseguição durante a fuga. Moradores contaram que foram cerca de 40 minutos de intenso disparo de tiros.

Os bandidos fizeram dois taxistas que passavam pelo local reféns. Eles foram obrigados a carregar o dinheiro roubado e foram soltos 5 km do centro da cidade. O prédio do BB ficou praticamente destruído e os clientes estão tendo que percorrer 25 km até a agência do Banco do Brasil de Ouro Branco do Sul, distrito de Itiquira (MT). Ou então ir ao correspondente bancário e lotéricas de Sonora.

Vídeo mostra explosão de agência bancária e tiros no centro de Sonora
Imagens de câmeras de segurança mostram a explosão que deixou a população de Sonora em pânico....
Filha é acusada de manter mãe doente trancada em casa e sem comida
Jovem de 21 é acusada de manter a mãe doente de 52 anos trancada em casa e sem comida. O caso veio à tona após denúncia anônima, por volta das 16h de...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions