A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 19 de Setembro de 2018

30/08/2009 17:59

Jovem briga com policial e homem acaba baleado no pé

Redação

Hoje à tarde, por volta das 15h50, Rodolfino Santos de Oliveira, 23 anos, trafegava com sua motocicleta pelo Jardim Parque dos Eucaliptos, em Ponta Porã. Ele e seu acompanhante acabaram caindo na rua, depois que o piloto perdeu o controle da direção.

Após a queda de Rodolfino e seu amigo, algumas pessoas que estavam no local começaram a rir e o piloto foi tomar satisfação. Nesse momento, Ronaldo Benites Espíndola, 18 anos e seu pai Cecílio Espíndola, 43 anos, começaram a discutir com o motociclista e acompanhante dele.

Rodolfino se identificou como sendo policial militar e afastou-se, conforme descrito no boletim de ocorrência registrado no 1º Distrito Policial. Mas pai e filho partiram para cima dele, com o intuito de entrar em luta corporal, ainda segundo informa o B.O.

Ronaldo percebeu que embaixo da camiseta de Rodolfino tinha uma arma e avisou seu pai. Então, pai e filho tentaram tomar a arma do motociclista, que tentou impedir a ação.

Após conter Rodolfino, Ronaldo segurou a arma e puxou o gatilho, vindo a acertar um dos dedos de seu pai Cecílio. De acordo com a ocorrência, Rodolfino alega ter levado socos e pontapés na cabeça, nos cotovelos e no pescoço.

Depois da agressão, a PM (Polícia Militar) foi acionada a comparecer no local e, segundo depoimento de Cecílio, ele estava em casa e ouviu um tumulto e quando saiu da residência, avistou o filho discutindo com Rodolfino. Percebendo que o motociclista estava armado, decidiu apaziguar a briga no intuito de impedir que ele efetuasse um disparo.

Cecílio e Rodolfino foram encaminhados ao Hospital Regional. Em seguida, os três envolvidos foram levados à Delegacia de Polícia Civil. Foi constatado que Rodolfino é mesmo policial; sua arma foi encaminhada ao 4º BPM (Batalhão da Polícia Militar).

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions