A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

30/10/2013 13:16

Jovem que torturou criança presenciou morte da mãe e conviveu com assassinos

Graziela Rezende

O jovem de 21 anos, preso em flagrante no Jardim Bálsamo, no domingo (27), sob a acusação de torturar uma menina de dois anos e manter em cárcere privado a mãe da criança, presenciou o assassinato da própria mãe e foi obrigado a conviver com os autores do crime, já que não tinha para onde ir, conforme a conselheira Vania Nogueira.

Em entrevista a uma emissora de televisão, nesta quarta-feira (30), a conselheira ressaltou que somente no ano de 2006 é que apareceu o pai biológico da criança. Tempos depois, no ano de 2006, ele foi deixado no Conselho Tutelar e depois é que apareceu o pai biológico de Jones Alberto Gomes Correa, segundo a conselheira.

O delegado que investiga o crime, Paulo Sérgio Lauretto, também comentou que existem duas ocorrências, registradas na Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e a Juventude), envolvendo Jones. “São agressões quando ele era adolescente, porém ocorreram no seio familiar”, ressalta o delegado.

Em depoimento, o jovem negou todas as acusações, porém as suas declarações “não possuem fundamento”, conforme o delegado. “Ele comentou que um amigo pode confirmar a sua versão, de que a criança já chegou em sua casa ferida, mas, quando questionado onde estaria essa pessoa, falou que viajou para o Paraguai e nem sabe onde está agora”, afirma o delegado.

Após a oitiva com a mãe da criança, a crueldade do jovem chamou a atenção até da Polícia. Na ocasião, a vítima ressaltou que o suspeito dava chutes e socos em seu corpo, além de colocar a cabeça da criança em uma máquina de lavar roupas cheia de água, ligando e desligando o equipamento. Mais uma testemunha será ouvida nesta tarde.

Padrasto colocou cabeça de criança em máquina de lavar roupas ligada
A tortura na qual um jovem de 21 anos é acusado de cometer contra uma menina de 2 anos e 4 meses, além da mãe da criança, revelou uma crueldade que a...
Homem sequestra mulher em casa, tortura e abusa de enteada de 2 anos
Um homem de 21 anos foi preso, no domingo (27) no Jardim Bálsamo, em Campo Grande, suspeito de abusar sexualmente de uma menina de 2 anos e 4 meses e...
MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...


Vamos pra DEUS meu povo...
 
Frank William em 30/10/2013 15:04:22
MAIS UM MOTIVO PRA ELE SABER O QUANTO É RUIM UM INOCENTE,INDEFESO SER TORTURADO DESSA FORMA...SINCERAMENTE NÃO JUSTIFICA E NÃO DIMINUI EM NADA MINHA REVOLTA,QUE ELE PAGUE PELO QUE FEZ, REFLITA E QUE A JUSTIÇA ANALISE SE NÃO É O CASO DE INTERNA-LO PARA TRATAMENTO.
 
ana paula ribas em 30/10/2013 13:30:51
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions