A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

08/07/2009 09:54

Juízes querem apoio de CPI para toque de recolher

Redação

Juízes de vários Estados do País se reúnem na tarde desta quarta-feira, em Brasília, com o presidente e o relator da CPI da Pedofilia, para discutir o toque de recolher, já imposto em algumas cidades.

Representam Mato Grosso do Sul as juízas Jacqueline Machado, Nova Andradina e Ana Carolina Farah Borges da Silva, de Fátima do Sul. Nos dois municípios, já existe o toque de recolher.

Os juízes querem o apoio da CPI para que o toque de recolher seja imposto também em outras cidades, já que o Conanda (Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente) emitiu parecer contrário ao limite de horário. Cabe ao Conanda regulamentar o ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

O desembargador Joenildo de Sousa Chaves, presidente da Abraminj, (Associação Brasileira dos Magistrados da Infância e da Juventude) defende que o juiz deve adotar as medidas que entender cabíveis na proteção dos menores.

"Qualquer medida, por mais rigorosa que seja, visa a proteção de crianças e adolescentes, então é um mal necessário, que entendo ser um bem," disse lembrando que portarias deste teor já foram adotadas também no interior de São Paulo e outros estados brasileiros.

Mega-Sena acumula e prêmio no sábado pode chegar a R$ 39 milhões
A Mega-Sena mais uma vez ficou sem vencer na noite desta quarta-feira (13) e, assim, acumulou. O prêmio pode subir para R$ 39 milhões no sorteio do p...
Chuva intensa de meteoros terá pico na madrugada de quinta-feira
A chuva de meteoros Geminídeos – uma das mais intensas e brilhantes do ano – vai ocorrer durante a noite de hoje (13) e a madrugada de amanhã (14) e ...
STF tem maioria a favor de delação negociada pela Polícia Federal
O Supremo Tribunal Federal (STF) formou hoje (13) maioria para manter a autorização legal para que a Polícia Federal (PF) possa negociar delações pre...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions