A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 24 de Abril de 2018

02/04/2018 11:52

Justiça recebeu 21 notificações de acidentes de trabalho por dia em 2017

Segundo órgão, número pode ser ainda maior, já que existem casos que são subnotificados

Ricardo Campos Jr.
Santa Casa é a terceira maior responsável pela quantidade de acidentes de trabalho em Campo Grande (Foto: Saul Scharam)Santa Casa é a terceira maior responsável pela quantidade de acidentes de trabalho em Campo Grande (Foto: Saul Scharam)

A quantidade de acidentes de trabalho aumentou 4,74% em Mato Grosso do Sul nos últimos dois anos. Segundo dados da Justiça do Trabalho, somente em 2017 foram registrados 7.830 casos, o que resulta em aproximadamente 21 por dia. Desse total, 38 resultaram em morte, 72% a mais que no período anterior.

Os números por si só já assustam, mas o órgão garante que eles podem ser ainda maiores graças às subnotificações. Segundo o juiz do trabalho Márcio Alexandre da Silva, isso ocorre porque existem situações que acabam passando batidas.

“Um acidente de trânsito, por exemplo, que acontece enquanto o empregado sai de casa e está a caminho do serviço é considerado acidente de trabalho. No caso dos motociclistas, por exemplo, foi criado até um adicional de risco por conta disso”, pontua o magistrado.

Outro problema, segundo ele, são as doenças mentais adquiridas no exercício das funções. “Pressão no trabalho, cobrança de metas e jornadas excessivas dão sobrecarga mental a alguns trabalhadores e eles começam a  desenvolver problemas psíquicos, como a depressão, por exemplo, que hoje é a terceira maior causa de afastamentos”.

Silva acrescenta que a própria legislação brasileira tem sua parcela de culpa na ocultação dos acidentes de trabalho.

“Existe um seguro que o empregador paga todos os meses calculado sobre a folha, que é de 1%, 2% ou 3% de acordo com o risco das atividades. Se ele tem muitas notificações de acidentes, há um acréscimo de 0,5% a 2% nesses percentuais que ele já paga. Ou seja, a lei previdenciária acaba penalizando o empregador que notifica os acidentes”, pontua.

“Fazer política de segurança do trabalho no Brasil ainda é complexo por conta dessas deficiências estruturais e de legislação”, conclui.

 

Atividade de técnico em enfermagem foi uma das campeãs em notificações de acidente de trabalho em 2017 em Mato Grosso do Sul (Foto: Saul Scharam)Atividade de técnico em enfermagem foi uma das campeãs em notificações de acidente de trabalho em 2017 em Mato Grosso do Sul (Foto: Saul Scharam)

Conscientização - A Justiça do Trabalho junto com outros órgãos ligados ao setor, como Ministério do Trabalho e MPT (Ministério Público do Trabalho) promovem o abril verde, quando dedicam o mês a ações de prevenção a acidentes no exercício das funções e promoção da saúde do trabalhador.

Grupos com representantes dessas entidades visitarão vários locais orientando as direções sobre a importância das notificações dos acidentes e darão dicas sobre formas de preveni-los.

A Santa Casa foi a primeira a receber a ação, já que é a terceira maior responsável pelas notificações em Campo Grande. Somente ano passado foram 194 casos de funcionários do hospital acidentados.

Dados – A Capital é a cidade com mais acidentes de trabalho no estado, concentrando 2.977 casos ano passado. Em segundo lugar aparece Três Lagoas, com 682 e Dourados com 644. Entre os casos que terminaram com a morte das vítimas, cinco deles foram em Dourados, quatro em Ribas do Rio Pardo e dois em Bela Vista.

Trabalho em linha de produção foi o mais perigoso ano passado, com 552 acidentes. Em segundo lugar na lista aparece o ofício de técnico em enfermagem, com 367 casos. Os caminhoneiros compõem a terceira categoria com mais notificações, com 293, seguidos dos coletores de lixo com 248.

As cinco empresas com mais notificações de acidentes de trabalho em 2017 foram a Solurb (276), Marfrig (264), a Santa Casa (194), Adecoagro Vale do Ivinhema (127) e a JBS (116).

Justiça recebeu 21 notificações de acidentes de trabalho por dia em 2017


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions