A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/12/2008 13:26

Laudo indica que asfixia causou morte de garoto

Redação

A causa da morte de Matheus Pereira de Souza Gondin, 4 anos, foi asfixia. Entretanto, o delegado responsável pelo inquérito, Paulo Roberto Diniz, aguarda a conclusão do laudo para descobrir se o garoto sofreu algum tipo de violência por parte do pai, André Pereira de Souza Neto, 25 anos.

O jovem escondeu o corpo do filho em uma reserva no Assentamento Paraíso, localizado perto de Dois Irmãos do Buriti, município distante 110 quilômetros de Campo Grande.

André sustenta alegação de que o menino se engasgou com feijão e farinha e morreu. O laudo, que ainda não foi concluído, confirma a argumentação de André, já que o engasgamento é o nome popular da asfixia. Segundo o delegado, a necropsia aponta que havia feijão na traquéia do garoto.

O delegado já ouviu depoimentos de familiares de Matheus e do pai, que foi autuado por ocultação de cadáver. Para Diniz, só a conclusão do laudo poderá indicar se o menino foi assassinado ou não.

Campo Grande News apurou que André havia batido no garoto. Na versão do pai, Matheus levou

Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions