A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

01/04/2014 10:56

Março termina com muita chuva em alguns locais e estiagem em outros

Luciana Brazil
Estação das folhas começa a ganhar força nessa semana. (Foto: Marcos Ermínio)Estação das folhas começa a ganhar força nessa semana. (Foto: Marcos Ermínio)

Além da má distribuição sobre o Estado, as chuvas no mês de março também foram bastante irregulares, segundo o meteorologista da estação meteorológica da Uniderp Anhanguera, Natálio Abrahão. Em algumas regiões choveu acima da média e em outros locais a estiagem prevaleceu.

A partir de amanhã (2), o outono começa a ganhar força no Estado, principalmente na região central, de acordo com a meteorologia. A estação que antecede o inverno começou no dia 20 de março.

“Agora que o outono vai começar. As chuvas vão ficar mais espaças e o sol deve começar a prevalecer, além das temperaturas que ficam mais amenas”, alertou Natálio.

Chuva- Na região central de Mato Grosso do Sul - Campo Grande, Sidrolândia, Terenos e Bandeirantes - choveu em março, mas o nível registrado foi de 150 milímetros, menor do que o esperado para o mês, que é 162 milímetros.

“Teve de tudo neste mês. Em alguns locais choveu demais e em outros choveu muito pouco. E além de má distribuição no Estado, as chuvas foram irregulares em todas as áreas”, disse Natálio.

Em Corumbá, a 419 quilômetros de Campo Grande, onde a chuva ficou muito acima da média, em apenas um dia choveu 100 milímetros, segundo Natálio. Os dados reforçam a irregularidade apontada pela meteorologia. Também em Corumbá houve registro de enchentes no mês passado.

Já do outro lado do mapa, na faixa leste do Estado, a falta de chuva foi sentida pelos municípios produtores, como Três Lagoas, distante a 338 quilômetros da Capital.

A estiagem, segundo Natálio, afeta não só os agricultores como os pecuaristas. “Foi um mês muito quente nessas áreas e com falta de chuva. Isso prejudica toda a classe produtiva”.

Autorização para psicólogos aplicarem terapia de reorientação sexual é mantida
O juiz Waldemar Cláudio de Carvalho, da 14ª Vara Federal de Brasília, decidiu hoje (15) tornar definitiva a decisão liminar (provisória) que havia pr...
Clientes de banco podem renegociar dívidas no "Caminhão do Quita Fácil"
A partir de segunda-feira (18), clientes das agências da Caixa de Campo Grande terão a possibilidade de renegociar suas dívidas atrasadas há mais de ...
Acordo entre poupadores e bancos vai beneficiar 30% dos que entraram na Justiça
Das 10 milhões de pessoas que entraram na Justiça por perdas no rendimento de cadernetas de poupança, apenas cerca de 3 milhões serão beneficiadas, s...


imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions