A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

03/03/2010 09:25

Médico envolvido em briga e morte de bebê desaparece

Redação

O médico Orozimbo Ruela, 42 anos, não apareceu mais em Ivinhema, cidade distante 293 quilômetros de Campo Grande. A Polícia Civil tem dificuldade de localizar o médico, que junto com o colega Sinomar Ricardo, 69 anos, é investigado pela morte da menina Mibsan Rodrigues Cabreira, ocorrida dia 23 de fevereiro, durante o parto, realizado no Hospital Municipal.

Sinomar já prestou depoimento, enquanto Orozimbo não é localizado, nem via celular.

De acordo com o delegado responsável pelas investigações, Lupérsio Degerone Lúcio, Orozimbo não está na cidade e também não atende às ligações telefônicas. "Uma hora dá na caixa de mensagem, outra hora dá desligado", revela o delegado.

Ele e Sinomar brigaram a socos e pontapés na sala onde a gestante Gislaine de Matos Rodrigues, 32 anos, aguardava o nascimento da filha.

Depois do episódio, os dois foram demitidos e Orozimbo teria voltado para Campo Grande, mas a Polícia não consegue identificar o paradeiro do médico que já deu entrevistas até para redes nacionais.

depoimentos- Segundo as investigações, o plantão era de Sinomar e Orozimbo já havia feito o prontuário de entrada da paciente. As testemunhas reforçam a argumentação de Sinomar, conforme o delegado.

Elas apontam que a briga ocorreu na porta da sala onde estava a gestante. Orozimbo começou a agressão, na versão de Sinomar e das testemunhas.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions