A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

09/09/2009 17:07

MPF suspeita de fraudes e INSS revisa 4,7 mil benefícios

Redação

Força-tarefa do MPF (Ministério Públcio Federal) suspeita de fraude na concessão de benefícios de prestação continuada pagos a idosos e deficientes físicos concedidos pelo INSS (Instituto Nacional de Seguro Social) em Ponta Porã, Amambai, Jardim e Bela Vista.

Segundo o procurador da República Thiago dos Santos Luz, 4.769 benefícios devem ser revisados e podem ser cancelados. No entanto, ele ressaltou que os beficiados deverão ter direito ao contraditário e a ampla defesa.

A suspeita é de frauda generalizada. A média nacional de benefícios é de 3,56%. No entanto, nos municípios de fronteira com o Paraguai, o percentual é quase 10 vezes maiores, como 29,93% em Ponta Porã, 29,9% em Bela Vista, 31,77% em Jardim e 17,42% em Amambai.

"Não há qualquer outra razão plausível para tamanha divergência entre os elevados percentuais de benefícios assistenciais concedidos nesta região de fronteira e os índices nacionais, senão a ocorrência de fraude", destacou Luz.

Recomendações - O MPF recomendou ainda que, temporariamente, a concessão de benefícios sociais e previdenciários em Ponta Porã, Amambai, Bela Vista e Jardim deve ser precedida de consulta aos Cartórios de Registro Civil para averiguar a veracidade dos documentos apresentados pelos requerentes. Se forem identificadas irregularidades, devem ser adotadas providências administrativas ou judiciais.

A recomendação foi endereçada às Gerências do INSS em Brasília (DF), Campo Grande (MS) e Dourados (MS) e à Secretaria Nacional de Assistência Social do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). Os órgãos têm quinze dias para responder se acolhem ou não a Recomendação, indicando as providências adotadas, sob pena de ações judiciais e extrajudiciais, pela omissão.

MEC deve homologar Base Comum Curricular na próxima quarta-feira
O Ministério da Educação informou que a Base Nacional Comum Curricular (BNCC), aprovada hoje (15) pelo Conselho Nacional de Educação (CNE), deve ser ...
Presos da penitenciária federal da Capital são julgados por crime em RN
Um preso custodiado no presídio federal de Campo Grande foi julgado, ao lado de outros três homens, na quinta-feira (14) e nessa sexta-feira (15) por...
imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions