A notícia da terra a um clique de você.
Campo Grande, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

03/11/2008 19:57

Mulher esfaqueada no Jockey só deve ser ouvida amanhã

Redação

O laudo necroscópico deve confirmar se José Anselmo Gomes Lopes, de 44 anos, que morreu queimado na tarde de hoje no Bairro Jockey Club, em Campo Grande, foi mesmo suicídio. 

Ele teria se matado depois de brigar com a ex-mulher, a auxiliar de enfermagem Luciana Martins Alves e desferir vários golpes de faca contra ela. A versão foi contada pela vítima que acionou o Corpo de Bombeiros.

Luciana está sendo submetida a uma cirurgia neste momento na Santa Casa de Campo Grande e só poderá ser ouvida amanhã, segundo informou a delegada Ariene Nazaré Murad de Souza, plantonista da Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário).

Conforme a delegada, o resultado da necropsia que fica pronto amanhã deve confirmar ou não a versão contada pela vítima. 

Quando foi socorrida por uma equipe do Corpo de Bombeiro, Luciana contou que após uma discussão, José Anselmo passou a agredi-la usando uma faca. Ela foi atingida na cabeça, no rosto, abdômen e na perna.

Mesmo muito ferida ela conseguiu fugir e acionar os Bombeiros. Segundo ela, José Anselmo ameaçava incendiar a casa, localizada na rua das Margaridas. No local, a polícia encontrou o corpo dele ainda em chamas em cima de um colchão, dentro de uma vala.

O filho do casal, um garoto de 6 anos, assistiu a tudo.

imagem transparente

Classificados


Desenvolvido por Idalus Internet Solutions